A situação da Atlas, infelizmente, parece estar ficando cada dia pior. Segundo uma fonte, o prazo de saques poderia exceder os 30 dias comunicados e a empresa já estaria procurando empréstimos.

A situação da Atlas

Depois do puxão de orelha da CVM, os investidores da Atlas Quantum entraram em desespero e começaram a retirar centenas de bitcoins da plataforma de arbitragem.

Inicialmente a empresa prometia saques em D+1, ou seja, um dia após o pedido de retirada. Porém, alegando excesso de demanda, foi resolvido dilatar o prazo para D+7.

Muitos dos clientes acabaram não recebendo em D+7, então, a Atlas disse que o prazo para normalizar as operações seria em D+30. Na última modificação de prazo foi dito que a empresa está com problemas de KYC nas exchanges de Bitcoin.

Enquanto isso as reclamações no ReclameAqui só aumentam:

Atlas Quantum, cliente reclamando

Mas para quem estava esperançoso em receber em D+30, bom….

D+ ∞ e Bitcoin emprestados

Uma fonte que não quis revelar seu nome nos disse que é possível que a Atlas não cumpra com o D+30, principalmente devido a situação atual e a falta de acordos até mesmo com pequenas e médias quantidades.

“O D+30 não deverá ser cumprido”

Foi revelado também que na parte da manhã de hoje um cliente da Atlas foi até a empresa tentar um acordo. Mas as partes não se entenderam, o que provavelmente vai gerar um processo judicial pelos bitcoins não pagos.

Uma fonte quente também nos disse que a Atlas estaria buscando empréstimos de bitcoins para pagar seus clientes. Isso seria uma forma de aliviar os possíveis problemas com a exchanges e manter as operações de arbitragem como antes.

A posição da Atlas

Entramos em contato com a equipe da Atlas, eles nos disseram que “o prazo de 30 dias segue valendo” e mandaram uma nota oficial:

O Atlas Quantum informa que está adotando as devidas providências junto às exchanges em que opera de forma a garantir maior liquidez aos clientes. A empresa acrescenta que está se empenhando ao máximo, com equipe dedicadas em suas operações, para resolver a questão dos saques dos clientes no prazo mais breve possível.

A situação da Atlas continua preocupante, nós realmente esperamos que a empresa consiga pagar todos os seus clientes no prazo previsto. Se isso não acontecer nós poderemos ver a queda do Atlas e por cima dele cairá um mundo de regulamentações.

Já se fala inclusive da CPI das criptomoedas.