A Atlas Quantum, empresa que diz fazer arbitragem com bitcoins e que passa por problemas sérios com saques e processos judiciais, anunciou a compra da Anubis Trade.

Em seu site oficial, a Atlas divulgou um comunicado no qual diz que a aquisição tem como objetivo ” unir experiências em tecnologia e investimento para ampliar ainda mais a transparência das operações

Veja o comunicado completo:

Caros clientes,

Nós, do Atlas Quantum e da AnubisTrade, vimos a público informar sobre a integração da Anubis à estrutura corporativa do Atlas. O objetivo das empresas é de unir as experiências em tecnologia e investimento para ampliar ainda mais a transparência das operações das empresas e oferecer oportunidades aos clientes.

O Atlas Quantum é uma das maiores empresas de arbitragem de criptomoedas, criada em 2015 com objetivo de democratizar o acesso as esses investimentos. O Anubis Trade foi lançado em 2018 também com o intuito de permitir a inclusão financeira de uma forma simples e segura, por meio de uma linha de investimentos para quem possui bitcoins, mas não tem tempo ou conhecimento suficiente para investir.

No primeiro momento, haverá separação patrimonial das carteiras dos clientes Anubis e Atlas e funcionamento de sites separados. A integração das duas plataformas ocorrerá numa segunda fase, quando sistemas, normas, procedimentos e culturas das duas empresas estiverem unificados.

Manteremos nossos clientes informados sobre essa nova fase das duas empresas por meio de nossos canais oficiais de relacionamento. Eles também poderão tirar dúvidas conosco, recebendo atendimento especializado.

Clientes desconfiados

Não foram revelados valores, mas a aquisição tem levantado suspeitas. Dentre elas, como a Atlas conseguiu pagar a Anubis em um momento em que não consegue pagar os seus próprios clientes? Será que aquisição aconteceu antes da crise na Atlas?

Alguns clientes da Anubis já declararam nas redes sociais que estão tirando o dinheiro de lá:

“tirando meu $ em 3,2, 1… ja tirei =)”, declarou um usuário no grupo Bitcoin Brasil.

Alguns desistiram de colocar dinheiro na plataforma, com receio de enfrentar os mesmos problemas que a Atlas está passando.

“Caramba, realmente pensei em colocar uma grana na Anúbis.. Ainda bem que essa notícia veio antes.”, disse outro usuário em um grupo de Bitcoin.

Procuramos o CEO da Anubis e a assessoria da Atlas para esclarecer essas questões, mas eles ainda não nos responderam. O Cointimes e a comunidade esperam por mais esclarecimentos.