Cointimes
Mercado

B3: qual a melhor hora para investir em ações?

No começo de 2021, o Ibovespa já bateu seu recorde histórico, flutuando nos 125 mil pontos, com muitas ações à disposição do investidor.

Porém, marcada pela instabilidade política que se sucedeu ao longo do mês, uma leve retração começou a se desenhar.

De volta ao patamar dos 116 mil pontos, muitos investidores e iniciantes se perguntam se este é um bom momento para injetar dinheiro na B3 (B3SA3).

Se muitos acreditam que após o ápice vem o abismo, outros enxergam as oscilações com menos alarde. Neste momento, portanto, cabe uma reflexão acerca dos fluxos de mercado e se há um momento ideal para começar a investir ou ampliar posições na bolsa.

B3: taxa Selic em 2%

De antemão, é necessário lembrar que após sua primeira reunião de 2021, o Copom manteve a taxa Selic em 2%. Com a taxa de juros em baixa, é preciso se atentar ao destino do seu dinheiro. A renda fixa é uma maneira excelente de proteger o patrimônio e o local onde deve ser feita a reserva de emergência e de oportunidade também, porém, quando falamos sobre rentabilidade, ela se mostra deficiente e pouco vantajosa. Se o IPCA terminou 2020 com acúmulo total de 4,52%, é possível compreender que os investimentos atrelados à taxa Selic não ganharam da inflação. Em outras palavras, se você manteve seu dinheiro inteiramente aplicado em renda fixa, há grandes chances de que você tenha terminado o ano com prejuízo.

Por conta dos resultados atrelados à renda fixa em 2020, muitos investidores migraram para a renda variável em busca de ativos mais rentáveis. Após o aumento no fluxo de capital gerido pela B3 e o boom de IPOs, a bolsa começou o ano em alta, o que trouxe o questionamento: está caro investir em ações neste momento?

B3: é o momento de investir em ações?

Para iniciar a linha de raciocínio, é preciso ressaltar que o conceito de preço deve ser separado da noção de valor. É possível que um artigo tenha um alto preço, mas venha a se valorizar no decorrer do tempo. Um exemplo disso pode ser um item de colecionador, cujo valor progride conforme ele envelhece. O que torna o preço do ativo caro ou barato é relativo às suas potencialidades, tudo depende de seu perfil pessoal e da estratégia que você adota.

Quando consideramos os fluxos do mercado, precisamos compreender que certa volatilidade deve ser esperada. Nem sempre a bolsa de valores estará em alta, assim como o inverso também é verdadeiro. Em 2008, a crise imobiliária americana levou à retração do Ibovespa, que bateu 40 mil pontos. Ainda nesta época, era comentado por muitos analistas que a bolsa estaria cara. Após uma lenta recuperação, a B3 se ergueu e voltou a bater recordes.

B3: devo esperar a crise do novo coronavírus (covid-19) passar?

De repente, a pandemia do novo coronavírus (covid-19) derrubou os mercados. De fato, em um primeiro momento, houve o choque geral do mercado após a série de circuit breakers que se sucedeu em março do ano passado. Apesar disso, o Ibovespa surpreendeu ao encerrar o ano sem prejuízos.

No mercado financeiro, há uma máxima que justifica o pessimismo exacerbado dos analistas: “prefiro errar com os outros, do que acertar sozinho”. Com demasiada cautela, todos tentam tatear o próximo cenário, em busca de previsões acertadas. A verdade é que não há fórmula. Prever o cenário do Ibovespa ou o dólar em 1 ano é como tirar a sorte na moeda, deve ser considerado como uma das faces do jogo, mas nunca ditar as regras. Resumindo, a melhor hora para investir na bolsa é sempre, mas sem deixar de lado a reserva de oportunidade para tirar proveito do caos, como diria Nassim Taleb.

8 dicas do que não fazer ao investir em ações:

Em meio a tantas possibilidades, é possível que o investidor perca a chance de se posicionar em uma boa empresa, ou até mesmo segure o papel por tempo demais. Com isso em mente, enumerei 8 costumes negativos aos quais os investidores devem se atentar.

Às vezes o investidor se apega a uma ação e não quer aceitar sua queda. Mesmo com todos os indícios de que o caminho da empresa não vai bem, o investidor mantém sua posição no ativo. Quando falamos sobre mercado financeiro, devemos adotar uma análise clínica quanto aos papéis nos quais investimos, sob o risco de obtermos altos prejuízos. Ações só devem ser mantidas enquanto adicionarem valor à carteira, não há espaço para apegos e xodós.

Mesmo que você se considere um investidor de longo prazo, é possível que você se preocupe com as oscilações diárias do ativo em que investe. Se você checa o home broker diariamente, é possível que sua ansiedade esteja te atrapalhando. Inúmeros investidores de buy and hold que conheço não checam as oscilações das ações diariamente. Se você está se planejando para o longo prazo, por que é movido pela ansiedade de checar o ativo todos os dias?

Sempre que leio os comentários em minhas publicações, fico preocupado com a quantidade de pessoas que demonstram certeza na valorização de determinado ativo. Essa certeza absoluta e confiança exagerada podem ofuscar sua visão e te causar perdas. Assuma que você nada sabe e assim, estará mais preparado para analisar as evidências com clareza e humildade.

Pense rápido: você sabe qual estratégia de investimento você adota? A maior parte dos investidores não tem a resposta na ponta da língua. Se você planejar suas alocações de acordo com os seus objetivos pessoais, as chances de que você tenha sucesso aumentam vertiginosamente. Afinal, se você não se importa para onde está indo, qualquer destino está bom.

Este é o investidor que se sente propenso a entrar em qualquer esquema pois outros estão lucrando. Antes de se apressar e alocar seu dinheiro, considere na confluência do ativo em relação com a sua estratégia pessoal. Nem sempre as pessoas tomam decisões sábias. Seguir o bando e se esquecer do seu planejamento pode ocasionar em prejuízos e golpes, além de te desvirtuar do seu percurso.

Em momentos de caos, certas pessoas tendem a abandonar todas as suas posições na bolsa de valores. Essa atitude atrapalha a lógica dos investimentos, que, por vezes, dependem de prazos mais longos para demonstrar seu potencial de ganhos e perdas real.

Há horas em que desejamos tanto que um fato seja real que não conseguimos acreditar em nada que o contradiz. É possível que você só procure informações em sites que validem sua opinião sobre determinado assunto. Ao agir desta forma, você está deliberadamente bloqueando o seu campo de visão e amortecendo sentimentos que deveriam mudar sua concepção sobre o tema. O mesmo ocorre com o investimento em ações. Para evitar cair neste padrão, busque informações na maior quantidade de veículos que puder, e, só então, decida como agirá.

Em todos os cantos há quem queira ganhar dinheiro de forma fácil e rápida. No entanto, no mercado financeiro, a máxima é verdade: “todo atalho esconde um precipício”. Ao investir somente em ações que você acredita serem a próxima Magalu, você ignora o percurso que realmente te levará a riqueza. A diversificação e a análise são os verdadeiros aliados dos investidores.

O post B3: qual a melhor hora para investir em ações? apareceu primeiro em 1 Bilhão Educação Financeira.

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

Sair da versão mobile