Cointimes
Bitcoin

Banco mais antigo dos EUA cita o modelo S2F, que prevê o bitcoin a R$500 mil

Prédio do banco BNY Mellon

O banco mais antigo dos Estados Unidos em atuação, o BNY Mellon, reafirmou sua aposta no bitcoin ao publicar um novo relatório. 

Conforme mostramos no texto “O Bitcoin salvará os bancos – Entenda como”, os bancos já estão se posicionando no mercado de criptoativos. O investimento é baixo para algo que pode salvá-los, ratio risco x oportunidade é grande.

Por este motivo, o BNY investiu há alguns meses na Fireblocks, uma empresa de custódia para criptoativos. 

“A BNY Mellon planeja usar a tecnologia da Fireblocks para sustentar um novo negócio que o banco revelou no mês passado, no qual planeja servir como custodiante para ativos digitais em nome de investidores institucionais.” – Wall Street Journal. 

A participação dos banqueiros mais antigos dos EUA no bitcoin parece que não tem sinal de enfraquecimento. Nessa semana o BNY publicou um relatório elogiando o modelo stock-to-flow (S2F).

O que é o modelo S2F?

O Stock-to-flow ou S2F é um modelo incialmente usado no mercado de commodities para descobrir em quanto tempo o fluxo de mineração atual de um metal seria necessário para “cobrir” o seu total atual. 

Por exemplo, digamos que o estoque do ouro seja de 190 mil toneladas e o supply de 2900 toneladas, portanto, temos um ratio de 66 anos para a produção atual chegar ao valor das reservas. 

S2F de metais preciosos

Comparando os mercados de metais com o do bitcoin, o S2F da criptomoeda prevê o btc a US$100 mil (aproximadamente R$500 mi)l até 2024:

S2F e preço do bitcoin

“…a relação estoque-fluxo (S2F) é um dos conceitos de avaliação mais interessantes e vale a pena entender apesar de suas falhas.“ – disse o banco.

Mas as críticas também foram reconhecidas:

Quais são as vantagens dessa proporção? Ele não recria a roda, nem argumenta um caso esotérico de intrínseca valor para um ativo digital intangível.

Essa proporção aponta uma medida relativa de “escassez” para algo que já é comumente bem recebido como uma moeda alternativa e armazenamento de valor. Críticos da S2F dirão que o fornecimento não define opreço, destacando que o preço do ouro tem flutuado maciçamente em sua história, enquanto seu S2F ficou perto de 60. Eles argumentam que a maioria do movimento do ouro pode ser explicado pelo poder de compra do dólar americano, e a compra/venda de ouro é baseada nas expectativas de inflação ou degradação cambial. Para todos esses pontos, nós concordamos. Lembre-se do problema de valorizar o Bitcoin de uma base monetária tradicional devido à falta de relatividade. 

Em muitas formas, o modelo S2F é elegante (e potencialmente falho) em sua simplicidade. Ele fornece essa relatividade para vincular Bitcoin com o mercado/estrutura do ouro, mais estabelecido.”

O relatório também cita o modelo S2FX, uma versão atualizada do S2F na qual o btc é divido em fases. 

“A implicação deste modelo é que à medida que o Bitcoin ganha mais impulso mainstream e é visto mais como ouro, o valor da escassez (como medido pelo S2F) e o halving subsequente, em última análise, conduzirá os preços para o cluster de pontos de ouro e o total implícito valor de mercado. “


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das maiores exchanges do Brasil e do mundo, e compre Bitcoin, Ethereum, USDT e outras principais criptomoedas pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!


 

Sair da versão mobile