Cointimes
Bitcoin

Bitcoin mantém força em meio ao FUD da China

Bitcoin e FUD da China

O Bitcoin conseguiu recuperar sua cotação desde a baixa da sexta-feira, depois que a China lembrou mais uma vez sobre sua posição hostil contra a criptomoeda.

Ontem, os criptomercados passaram por outro banho de sangue iniciado mais uma vez pela China. O Bitcoin perdeu US$ 4.000 da sua cotação em minutos, mas conseguiu realizar uma recuperação parcial até agora. A maioria das altcoins sofreu ainda mais e algumas não conseguiram se recuperar de forma decisiva, incluindo o ETH, que ainda está abaixo de US$ 3.000.

Tentativa de recuperação de bitcoin

Os últimos dias estavam indo bem para a criptomoeda primária. Ele havia se recuperado da queda de preço abaixo de US$ 40.000 e adicionado vários milhares de dólares de valor.

Isso culminou no novo teste de ontem de US$ 45.000, que se tornou uma alta de vários dias. Nesse ponto, porém, quando os touros se preparavam para outro aumento repentino nos preços, o banco central da China decidiu lembrar ao mundo sua política hostil contra a indústria de criptomoedas.

A última declaração da instituição, que teria sido publicada algumas semanas antes, proibia organizações financeiras, empresas de pagamento e plataformas de internet de facilitar a negociação de criptomoedas.

Como normalmente acontece quando a China vai atrás do espaço de ativos digitais – os preços despencam imediatamente.

Depois de atingir o fundo do poço em cerca de US$ 40.600, os touros intensificaram e iniciaram uma perna para cima. Nas horas seguintes, o BTC recuperou quase US$ 3.000 e excedeu brevemente US$ 43.000. A partir de agora, porém, o ativo perdeu algum terreno e atualmente está em aproximadamente US$ 42.500.

ETH abaixo de US$ 3.000; Apenas ADA está no lucro

As moedas alternativas sofreram ainda mais do que seu líder durante o banho de sangue de ontem. Ethereum passou de um máximo diário de US$ 3.100 para um mínimo de US$ 2.750. Apesar de também recuperar algum terreno desde então, a segunda maior cripto ainda está bem abaixo da cobiçada marca de preço de US$ 3.000.

Em uma escala semanal, a maioria dos alts ainda está bem em vermelho. Isso inclui Binance Coin (-13,6%), Ripple (-11,5%), Solana (-6,6%), Polkadot (-8,8%) e Dogecoin (-13%).

Cardano é a única no top 10 com um pequeno aumento semanal de 2,6%. Como resultado, o ADA está acima de US$ 2,4.

Histórico de preço das criptomoedas top 10 por capitalização de mercado. Fonte: Coingolive.

O valor de mercado de criptomoedas caiu quase US $ 200 bilhões em um dia, mas recuperou cerca de metade disso e atualmente está em US$ 1,98 trilhão de acordo com dados do Coingolive.

Leia outras notícias da semana:

A NovaDAX está completando três anos!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil completa três anos no mês de novembro e quem ganha é você! 

Serão até 30 moedas com taxa zero para transações e mais de 80 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.

Sair da versão mobile