Um total de 69.369 bitcoins, equivalente a US$ 955 milhões (5.40 bilhões de reais) foram movimentados ontem da carteira 1HQ3Go3ggs8pFnXuHVHRytPCq5fGG8Hbhx, que era a 4º maior do mundo. Essa é a última movimentação da carteira desde abril de 2015. Segundo o site ELLIPTIC, a carteira era associada ao antigo marketplace da darknet Silk Road.

Rota dos bitcoins movimentados. Fonte ELLIPTIC

Segundo a análise, parte dos fundos foram enviados para o mixer Bitcoin Fog e para exchange BTC-e. Não é claro se Ross Ulbricht, a principal pessoa por trás da Silk Road, estaria por trás da mais recente transação.

Esse endereço chamou atenção este ano pois muitos usuários relataram que o arquivo wallet.dat que conteria a chave privada da carteira estaria sendo vendido em fóruns hackers para pessoas que queiram quebrar a sua senha através de força bruta. 

O All Private Keys, um famoso site que, dentre outros serviços, vende carteiras de bitcoin com chaves privadas vazadas, informou que a carteira foi realmente crackeada e que ele ele conhece o sortudo que fez isso. Confira:

Print do site All Private Keys
Fonte: All Private Keys

A 7º mais rica carteira do Mundo foi CRAKEADA. Eu te conheço, Sortudo;) Estou esperando a doação prometida.

Há pouco tempo a carteira ocupava a 7º posição do ranking das maiores carteiras, e esse é provavelmente o motivo do erro do site, porém, o endereço é realmente o mesmo.

Os bitcoins foram enviados para o endereço bc1qa5wkgaew2dkv56kfvj49j0av5nml45x9ek9hz6, que agora ocupa a quarta posição entre as carteiras com maior saldo, segundo o Bitinfocharts.

Top 5 carteiras de Bitcoin
Top 5 carteiras de Bitcoin. Fonte: Bit Info Charts

Segundo a Wallet Recovery Services, é provável também que esse seja apenas um golpe. 

É possível manipular um arquivo wallet.dat do Bitcoin para fazer parecer que contém um saldo alto.

Bitcoin ainda é seguro

Se você está se desesperando e acha que o Bitcoin não é mais seguro, fique tranquilo.

O arquivo wallet.dat que estava sendo negociado nos fóruns hackers, se de fato não se tratava de uma fraude, continha a chave privada da carteira, provavelmente perdida por erro humano ou por roubo ou apreensão de dispositivo que continha o arquivo. E o que teria sido descoberto por força bruta seria a senha escolhida pelo dono da carteira para encriptar a chave. Como mostramos anteriormente, é praticamente impossível descobrir uma chave privada de uma carteira simplesmente usando força bruta.

Vale lembrar que basta guardar com segurança a chave privada da carteira, aquela que você pode converter na sua seed -um conjunto específico de palavras-, que você não precisa se preocupar. Para uma camada adicional de segurança, você pode encriptar a carteira com mais uma senha com a criptografia BIP 38.

O mais importante, no entanto, é não expor a chave privada de nenhuma forma, se atentando contra phishings ou sites e aplicativos maliciosos. Muito cuidado também para não perder a sua chave, o galês James Howells jogou fora um hd contendo quase 80 milhões de euros em bitcoin em 2017, e ninguém quer cometer esse tipo de erro.

Leia mias: Viajante larga tudo para mochilar o Brasil com Bitcoin e espalhar as criptos pelo país

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br