Passfolio

O nome pode até soar meio estranho, mas com staking que o ator global Dan Stulbach conseguiu lucros na casa de 100% ao ano com criptomoedas. Esta técnica funciona como uma “poupança” de moedas digitais, na qual os investidores deixam suas criptomoedas “paradas” durante um período de tempo e recebem a própria moeda como recompensa por isso. 

Em analogia, o staking é como um “CDB de cripto”. Assim como é possível receber uma certa quantia de reais como juros do empréstimo feito ao banco, no staking, você recebe moedas digitais como juros pelo empréstimo que você fez à Blockchain (tecnologia descentralizada que permite a negociação no mundo cripto). 

Pode parecer algo muito complexo de início, mas o próprio Dan Stulbach é a prova de que investidores iniciantes em cripto também podem fazer staking e capturar lucros em torno de três dígitos por ano (ou mais, para quem tem estômago para riscos). 

O ator adentrou o mundo das criptomoedas em junho deste ano, quando começou a apresentar o podcast “Mesa Pra Quatro”, em conjunto com o CEO da Empiricus, Caio Mesquita, e com o economista Teco Medina. Até então, ele era um pouco mais conservador em seus investimentos, mas foi conquistado pelo mundo cripto e pelo seu potencial disruptivo

Passfolio

Começou investindo via fundos, depois ETFs e por fim, passou a negociar as moedas diretamente. “Para mim, não é só uma questão financeira, eu gosto do desafio do aprendizado”, diz. 

A partir daí, o staking veio de forma quase que natural. Como o ator tem algumas moedas na carteira que deseja “segurar” por um longo período de tempo, o staking seria uma chance de buscar mais lucros, além da possível valorização dos ativos. “É uma bobeira não fazer staking, já que você está segurando a moeda de qualquer maneira”, comenta Stulbach. 

  • Você pode deixar as criptomoedas que você já tem na carteira em staking e ir recebendo “juros”. Os ativos continuam em sua posse e você pode tirá-los do staking a qualquer momento, sem penalidades. 

“Talvez das coisas que você tem relação com cripto, essa é a única que você vai ter uma ‘renda fixa’ já combinada. É claro que [o ativo] pode subir ou descer, mas isso já ia acontecer de qualquer maneira se você está segurando a moeda por aquele tempo”, diz o ator. 

QUERO CONHECER O STAKING, MÉTODO QUE FEZ DAN STULBACH ALCANÇAR LUCROS EM TORNO DE 100% AO ANO COM CRIPTOMOEDAS

É possível ter duas rendas com criptomoedas?

Em um ecossistema tão volátil como o de criptoativos, parece fantasioso conseguir uma renda “fixa”, mas o staking possibilita justamente isso. E é por esse motivo que tem conquistado tantos investidores e dentre eles, um ator global. 

Este novo método de renda extra com cripto pode até ser algo novo no mercado financeiro, mas guarda semelhanças com outros ativos geradores de renda: assim como ações pagadoras de dividendos e títulos de renda fixa, ele é uma forma de gerar renda passiva, só que com criptomoedas. 

“O dinheiro pinga na sua conta como se fosse um aluguel ou um dividendo de ação. Você vai vendo o valor na conta, vindo do staking que você fez”, explica Stulbach, que já está há alguns meses fazendo staking de suas moedas. 

Através do staking, você pode ganhar dinheiro de duas formas com cripto:

  • Com a possível valorização dos ativos, já que, mesmo em staking, os ativos continuam em sua posse; 
  • Com os “juros” do empréstimo em forma de ativos; a partir disso, você pode manter as moedas em carteira e colocá-las novamente em staking ou vendê-las e embolsar os lucros.

O que mais impressiona no staking e faz com que ele se sobressaia em relação a outros investimentos geradores de renda são os resultados que ele pode oferecer. O staking de AXS (um dos investimentos de Stulbach), chega a oferecer lucros acima de 100% ao ano. Isso é como dobrar seu dinheiro investido de 12 em 12 meses.

Veja só a recompensa estimada (estimated rewards) de AXS no início deste mês: 114%. 

Valores de staking de AXS no dia 7/12/2021 – Fonte: AXS Staking Dashboard.
  • É importante dizer que a renda que você recebe no staking é em moedas e de acordo com a quantidade de moedas que você tem. Retornos passados não são garantia de ganhos futuros

A AXS é uma das criptomoedas favoritas dos investidores para fazer staking, mas não é a única. Com rendimentos em torno de 100% ao ano, a “poupança” de AXS acaba sendo uma das mais modestas neste universo. 

Há stakings que oferecem rendimentos na casa de cinco dígitos (imagine lucros de 70.000% ao ano). Mas, obviamente, os riscos são consideravelmente maiores nesses casos. Por isso, a máxima dos investimentos continua valendo também nesse caso: “não coloque todas as suas moedas em um pote só”. 

Por que o staking é vantajoso 

Você pode estar se perguntando como o staking pode ser uma boa opção em um universo tão volátil como os das criptomoedas. Assim como ocorre com fundos imobiliários, os investidores podem buscar ganhos tanto com a valorização dos ativos (as cotas, se fossem FIIs) quanto com as recompensas em forma de moedas (os dividendos, em analogia). 

Esse aspecto foi algo que atraiu Dan Stulbach para deixar suas moedas “travadas” durante um tempo na Blockchain:

“Se eu não tivesse feito staking, eu teria ganhado ou perdido conforme a volatilidade da moeda. No staking, eu ganhei nesse tempo todo, independente do que aconteceu.” 

A taxa de juros do staking pode variar (quanto mais pessoas deixando suas moedas “paradas”, menor a taxa), mas os investidores têm um outro aspecto jogando a seu favor: se você não estiver satisfeito com os resultados, pode tirar suas moedas do staking a qualquer momento, na maioria dos casos, sem penalidades. É bem diferente do que acontece com os títulos de renda fixa, que têm seus rendimentos “comidos” pelo imposto se são resgatados antes do prazo final. 

Além dos bons rendimentos, o staking ainda apresenta outras vantagens:

  • Não exige nenhum conhecimento teórico;
  • Não exige equipamentos caros e potentes. Você pode fazer tanto pelo seu celular quanto pelo seu computador pessoal;
  • O investimento inicial é baixo;
  • Ajuda na melhoria da rede, já que as moedas em staking são usadas para validação e segurança na Blockchain.

QUERO CONHECER MAIS SOBRE O STAKING E BUSCAR RENDA PASSIVA COM CRIPTOMOEDAS

Dan Stulbach: “Das coisas que eu fiz com cripto, o staking é o mais fácil de todas”

Se você leu até aqui e ainda assim pensa que o staking é um “bicho de sete cabeças”, acho que a própria história de Stulbach pode fazer você mudar de ideia. 

O global começou a investir em cripto no meio deste ano e em poucos meses, começou a fazer staking de algumas de suas moedas. “Acaba sendo natural primeiro ficar curioso sobre o staking. E daí eu comecei a aprender e funcionou pra mim. Tem funcionado especialmente com AXS, por exemplo”. O ator também fez staking de outras moedas que ele pretende segurar por mais tempo, como Solana (SOL) e Wax (WAXP), e assume que ganhou dinheiro nesses meses em que deixou suas criptomoedas “emprestadas”. 

Quanto aos procedimentos necessários para travar as moedas na Blockchain, Dan Stulbach diz que “das coisas que eu fiz com cripto, o staking é o mais fácil de todos”. Isto porque o staking pode ser feito direto em determinadas exchanges (corretoras de criptomoedas). Como esta modalidade de investimento tem crescido muito, as instituições começaram a oferecer esse serviço. Ou seja, no mesmo lugar em que você já negocia seus ativos, você pode aproveitar para ganhar renda passiva

Plantão de dúvidas gratuito é apresentado por Dan Stulbach, em conjunto com o especialista em staking, Lucca Benedetti

Apesar da facilidade para investidores iniciantes em cripto começarem a fazer staking, é importante ter em mente que você não deve entrar com tudo nesse universo sem orientações. Existem muitas pegadinhas, que podem causar dor de cabeça em quem ainda não tem experiência com o negócio. 

Pensando nisso, Dan Stulbach resolveu se juntar ao especialista em staking Lucca Benedetti para apresentar um plantão de dúvidas gratuito para investidores que querem gerar renda extra com criptomoedas

Benedetti vem com toda a expertise de um especialista que já ganhou dinheiro com staking e ensinou outras pessoas a como fazer o mesmo, enquanto Dan vem com a prova de que alguém leigo pode ganhar dinheiro sim com essa técnica, sem se expor a riscos exagerados.

“Eu acho que é obrigatório que todo mundo deveria conhecer o staking. Você tem sempre a opção de fazer ou não. Mas dentro desse universo, eu acho que é uma coisa obrigatória a se conhecer”, afirma Dan Stulbach. 

QUERO PARTICIPAR DO PLANTÃO DE DÚVIDAS GRATUITO SOBRE O STAKING E BUSCAR RENDA EXTRA COM CRIPTOMOEDAS

Sei que, por se tratar de algo novo, o staking ainda causa muita desconfiança e dúvidas. Será que esse negócio dá dinheiro mesmo ou é só um “golpe” no mundo de cripto? É normal ficar com um pé atrás, tudo que é desconhecido causa um medo no início. 

É justamente por isso que Benedetti resolveu fazer o plantão de dúvidas de forma completamente gratuita e chamou Dan Stulbach para apresentar junto com ele. Ele quer te apresentar os detalhes do staking e te provar que isso pode ser o que faltava para você “subir de nível” como investidor de cripto. E, claro, para fazer a sua conta corrente “subir de nível” também. 

Se você não está convencido sobre o potencial do staking, recomendo que se cadastre na lista para o plantão. Caso você ache que o staking não é para você, tudo bem. Você não vai gastar nem um centavo para ao menos conhecer mais sobre esse método de geração de renda extra com cripto. 

Como Stulbach fez questão de enfatizar: o staking é uma coisa obrigatória para se conhecer no mundo cripto, mas você sempre tem a opção de fazer ou não.

Não é todo dia que temos a oportunidade de buscar lucros na casa de 100% ao ano. 

QUERO PARTICIPAR DO PLANTÃO DE DÚVIDAS GRATUITO E TER A CHANCE DE GANHAR DINHEIRO COM STAKING DE CRIPTOMOEDAS

Passfolio