Elon Musk acaba de ser processado pela SEC por dar declarações falsas e enganosas utilizando seu perfil no twitter. Lembra daquela notícia em agosto? Parece que o que vem fácil também vai fácil. As ações da Tesla caíram mais de 11% após o horário comercial, tendendo a bater os US$250.

A vida de Elon musk, o Eike Batista gringo, é uma verdadeira montanha russa. Após enriquecer milhões com um tweet e fumar maconha em um programa de rádio, agora ele tem de lidar com um processo de fraude. A vida da Tesla já não anda fácil e, nada como um processo da SEC para deixar as coisas mais difíceis.

Uma promessa de Elon Musk

Em agosto, Musk twittou que ele estava considerando fechar o capital da Tesla, dizendo que o “financiamento era garantido”. O tweet fez as ações da Tesla dispararem 11% após sua postagem na rede social. Que nós noticiamos em primeira mão aqui:

https://cointimes.com.br/como-aumentar-sua-riqueza-em-900-milhoes/

Mais tarde, Elon Musk explicou que esteve em negociações com o fundo soberano da Arábia Saudita e sentiu-se confiante de que o financiamento chegaria ao preço proposto de US$ 420 por ação.

O que vem fácil…

As ações da montadora caíram cerca de 11 por cento no pregão de quinta-feira. As ações estão aproximadamente 35,4% abaixo de sua alta de 52 semanas, de US$ 387,46.

No processo aberto contra Musk, a SEC disse que os pronunciamento dele no Twitter foram “falsos e enganosos” e que ele nunca tinha discutido esse plano.

Disse ainda que Musk “sabia ou foi negligente em não saber” que enganava investidores, dizendo a seus mais de 22 milhões de seguidores no Twitter.

A Tesla não comentou o documento que recebeu da SEC.

Indignação

Musk chamou as acusações de “injustificadas” e disse que “nunca comprometeu” sua integridade.

“Essa ação injustificada da SEC me deixa profundamente triste e desapontado”, disse Musk em comunicado à CNBC. “Sempre tomei medidas no melhor interesse da verdade, da transparência e dos investidores. A integridade é o valor mais importante da minha vida e os fatos mostram que nunca comprometi isso de forma alguma.”

Musk disse em uma entrevista ao The New York Times que calculou um preço privado de US $ 420 arrecadando US $ 1 acima do que teria sido um aumento de 20% na época.

“Segundo Musk, ele calculou o preço por ação de US $ 420 com base em um prêmio de 20% sobre o preço de fechamento do dia porque ele achava que 20% era um ‘prêmio padrão’ na transação privada”, alegou a SEC. “Esse cálculo resultou em um preço de US $ 419, e Musk afirmou que ele arredondou o preço para US$ 420 porque ele havia aprendido recentemente sobre o significado do número na cultura da maconha e achou que sua namorada acharia engraçado, o que reconhecidamente não é um ótimo motivo”. para escolher um preço. ”

Promessa não cumprida

Nas horas após o tweet inicial em Agosto, Musk reduziu a proposta nos tweets subsequentes. A SEC citou os tweets subsequentes na denúncia como declarações enganosas adicionais.

Musk também não notificou devidamente os reguladores sobre seus planos de manter a empresa privada, alegou a denúncia.

As acusações de fraude da SEC contra Musk sugerem que os reguladores financeiros querem que o CEO seja punido, se não for expulso, disse John Gavin, CEO da Probes Reporter, uma empresa de inteligência de negócios que se concentra em investigações não sigilosas da SEC contra empresas públicas.

Gavin apontou que a SolarCity, de propriedade da Tesla, foi investigada pela SEC várias vezes, mas nunca divulgou essas investigações aos acionistas – nem mesmo antes da aquisição da SolarCity pela Tesla em 2016 por US $ 2,6 bilhões.