Segundo informações da Reuters, nesta quinta-feita uma carta-bomba causou uma pequena explosão no Banco ING em Amsterdam, capital dos Países Baixos (Holanda).

Poucas horas antes, as autoridades desarmaram uma bomba na empresa de tecnologia Unisys na cidade de Utrecht.

carta bomba
Foto de uma das cartas bomba

Os incidentes acontecem depois da explosão de duas cartas-bomba na quarta-feira. Uma no escritório de classificação de correspondência de Amsterdã do banco ABN Amro e outra na sala de correspondência da Kerkide, uma empresa japonesa de eletrônicos, perto da fronteira com a Alemanha.

Felizmente, ninguém foi ferido em nenhum dos casos.

As autoridades disseram que os pacotes de quarta-feira não tinham o mesmo rótulo dos de hoje. Eles pediram que os destinatários das correspondências sejam cautelosos com envelopes grossos brancos, enviados com dois selos e que tenham um pedaço de papel branco impresso com os endereços de entrega e retorno colados em plástico.

A pessoa que enviou as bombas exige uma pagamento em bitcoin. Contudo, a polícia ainda não revelou o conteúdo exato das cartas e nem como e quanto o criminoso pede.

Siga o Cointimes no Telegram para receber todas as notícias que o Facebook e Twitter não entregam.