Cointimes
Política

Designer de memes do Wikileaks tem Gmail entregue ao governo

wikileaks capa

A Google informou ao designer gráfico de memes do Wikileaks , Somerse Bean, que informações da sua conta foram entregues ao Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Bean vive no Reino Unido, ele foi notificado pela gigante das buscas que disse não “discutir a substância do processo legal”.

“Finalmente, recebi meu distintivo de honra com aviso de que o Google entregou “informações relacionadas à [minha] conta do Google” ao Departamento de Justiça dos EUA.”, disse Somerse Bean.

O designer não utiliza os serviços da Google para guardar seus dados, por isso, não foi tão afetado pela medida do governo norte-americano.

“Quase não existem dados na minha conta do Google, pois raramente os utilizo…., mas é óbvio que isso indica algum nível de investigação”

Ele atribui o interesse do governo norte-americano em seus dados a alguns motivos. Primeiramente porque a mais de dez anos ele é um apoiador do Julian Assange e do Wikileaks. Além disso, ele participava de um grupo de discussão no Twitter com vários jornalistas famosos por vazar dados.

O Wikileaks foi o primeiro grupo jornalístico de relevância a utilizar criptomoedas, tendo o criador do Bitcoin falado diretamente com Julian Assange (criador do Wikileaks).

Alguns teorizam que o partido Democrata, cujos e-mails foram vazados nas eleições de 2016, esteja perseguindo Somerse por meio do Departamento de Justiça.

Em uma época de informações decentralizadas, ameaçar jornalistas e ideias acaba dando destaque para as ideias perseguidas.

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

Sair da versão mobile