Talvez o mais famoso dos bilionários investidores de criptomoedas seja o polêmico Elon Musk, fundador da Tesla e da SpaceX. O empresário é conhecido por movimentar o preço de ativos digitais com um simples tuíte (que, muitas vezes, ele faz só para “apimentar” um pouco as discussões sobre cripto na internet). Mas, memes à parte, não dá pra negar que ele é um visionário e sabe como ganhar dinheiro. Por isso, o mercado está sempre atento às suas movimentações e investimentos. 

Afinal, quem não gostaria de investir no que o bilionário está investindo e ter a chance de acumular alguns milhares ou até milhões na conta corrente? 

Claro que ninguém tem acesso à estratégia de alocação detalhada de Elon Musk, mas isso não significa que não é possível descobrir algumas de suas apostas. Através do próprio Twitter, o fundador da Tesla já nos deu uma pista. Em um de seus posts, ele avisou: “Não desafie o DeFi”.

Uma imagem contendo Texto  Descrição gerada automaticamente

Mas o que é esse tal de DeFi? É uma classe de criptoativos “escondida” que tem potencial para entregar muitos lucros nos próximos anos. Vou te explicar por quê.

DeFi é a sigla para finanças descentralizadas (decentralized finances, em inglês). A proposta desse segmento é acabar com os agentes centralizadores como bancos e instituições financeiras e dar mais liberdade para as pessoas realizarem negociações e transações. Tudo isso através da Blockchain, a tecnologia que possibilita a existência das criptomoedas.

Com DeFi, é possível fazer a transição direta entre as próprias pessoas, com bem menos burocracias. 

As finanças descentralizadas ainda estão engatinhando, mas é possível que elas tragam transformações marcantes para a economia e para o mercado financeiro nos próximos anos. É por esse motivo que Musk é certeiro ao avisar: não duvide dessa classe de moedas. 

No “bolo” de moedas DeFi, existem oportunidades de transformar um investimento de mil reais em lucros na casa dos R$ 50 mil. Tudo isso em apenas 12 meses. É essa chance que eu quero te apresentar nos próximos parágrafos. 

Por que você deveria investir em DeFi e não Bitcoin

Você pode estar se perguntando por que as cripto DeFi seriam um bom investimento, sendo que ainda são desconhecidas e há ativos digitais bem mais consolidados por aí, como o Bitcoin e o Ether. 

Para te explicar, vou usar uma analogia com ações, que são ativos bem mais conhecidos:

A Vale (VALE3), uma das maiores empresas brasileiras e com listagem na B3, tem aproximadamente 345 bilhões de reais em valor de mercado. Para que suas ações pudessem valorizar 100%, ou seja, dobrar o valor investido, ela precisaria atingir 690 bilhões de dólares. Imagine o tanto de dinheiro que o mercado teria que disponibilizar para que isso acontecesse. Quais são as chances?

Agora, uma empresa com valor de mercado baixo (as chamadas small ou micro caps) tem um potencial bem maior. Supondo que uma companhia listada em Bolsa valha 1 bilhão de reais. Para que ela alcance 2 bilhões de reais e tenha uma alta de 100% dos seus papéis, é bem mais fácil do que os 345 bilhões necessários para a Vale. 

Nessa analogia, o Bitcoin é como se fosse a Vale das criptomoedas. Suas chances de multiplicar exponencialmente o patrimônio dos novos investidores são baixíssimas. Diferente do que acontece com as chamadas microcoins, moedas ainda “escondidas” no ecossistema cripto. São ativos que, no momento, valem ínfimos centavos de dólar. Mas que podem subir de preço tão exponencialmente a ponto de te transformar em milionário em apenas 12 meses com um investimento pequeno

Claro que não são todas as microcoins que têm esse potencial: há uma lista seleta delas, que são “garimpadas” por especialistas. 

Algumas dessas moedas vão continuar valendo os mesmos ínfimos centavos, enquanto outras podem passar a valer dezenas ou centenas de dólares. E provocar uma verdadeira revolução na carteira dos investidores que se posicionarem enquanto elas ainda não são famosas. 

O Bitcoin já foi pequeno um dia. E hoje é tão gigante que virou até moeda oficial de um país (El Salvador). Imagine o que pode acontecer com as criptomoedas DeFi nos próximos anos. Por enquanto, elas ainda são micro. Mas se elas crescerem, vão levar os investidores pioneiros com elas. E você pode ser um deles. 

Elon Musk já está apostando nessa classe de ativos. E não é só ele… 

VEJA COMO APOSTAR NA CLASSE DE CRIPTOMOEDAS QUE CONQUISTOU ELON MUSK E OUTROS BILIONÁRIOS

Você quer investir no que os bilionários estão investindo? 

Além do fundador da Tesla, outros bilionários estão enxergando potencial na tese do DeFi e quem “seguir o dinheiro” desses tubarões, pode ter a chance de ficar bem rico também, segundo os especialistas de criptomoedas consultados para esta reportagem. 

Veja só alguns exemplos:

Mark Cuban, o dono da equipe de basquete Dallas Maverick e um dos mentores do programa de empreendedorismo Shark Tank, não mede palavras ao falar dessa nova classe de ativos digitais. Para ele, investir em DeFi agora é como investir na internet em seus primórdios, ou seja, uma chance de se expor a lucros exorbitantes. Cuban tem propriedade para falar: ele conseguiu alguns de seus bilhões de dólares investindo na internet no começo dos anos 2000. 

Outros bilionários como Tim Draper, o investidor de venture capital que apostou na Tesla, na SpaceX e na Coinbase, e Peter Thiel, cofundador do Paypal, também estão movimentando dinheiro rumo às finanças descentralizadas. O CEO da Apple, Tim Cook, recentemente afirmou ter criptomoedas em sua carteira.

Já o ex-CEO do Twitter, Jack Dorsey, vai mais longe ainda e quer criar uma plataforma para levar o DeFi à rede do Bitcoin, tornando essas criptomoedas mais conhecidas. 

Até mesmo o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, enxerga que as DeFi podem ser o futuro das finanças: 

Tela de celular com texto preto sobre fundo branco  Descrição gerada automaticamente com confiança média

A reportagem diz que o presidente do BC, Roberto Campos Neto, afirmou que o setor de criptomoedas DeFi é muito mais promissor que o bitcoin. Imagem: CoinTelegraph

  • Considerando tudo isso: você gostaria de investir no que os “peixes grandes” estão investindo ou quer chegar no fim da festa e pegar só as sobras de valorização dos ativos, depois que eles já foram descobertos pelo grande público?

Pois bem. Se você quer fazer parte do grupo dos primeiros investidores, este é o momento de conhecer as criptomoedas DeFi e as demais microcroins. 

A sorte é que você não precisa ir explorar esse universo sozinho. No dia 24 de janeiro, acontecerá uma reunião de recrutamento para os investidores que querem conhecer o potencial dessas moedas desconhecidas. E eu vou te contar todos os detalhes que você precisa saber para ser um dos “recrutados”. 

Esses especialistas em criptomoedas vão te mostrar as microcoins mais promissoras dos próximos 12 meses e te dar a chance de ficar milionário investindo pouquíssimo dinheiro

Antes que você assuma uma postura cética, quero que saiba que estes especialistas em criptomoedas não são gurus de Youtube sem formação, que estão só atrás do seu like ou de vender um curso sem embasamento. Vinícius Bazan, Valter Rebelo e Lucca Benedetti compõem o departamento especializado em cripto e Blockchain da Empiricus, a maior casa de análise financeira independente do país. São profissionais sérios que têm um único objetivo: te ajudar a ganhar dinheiro com ativos digitais. Sem precisar investir uma bolada. 

Eles acreditam tanto no potencial destas microcoins que resolveram promover uma reunião especial para os investidores que estiverem inscritos nesta seleta lista (clique aqui para se cadastrar gratuitamente). 

É a sua chance de conhecer o investimento que está atraindo os grandes “tubarões” e investidores institucionais. 

No dia 24 de janeiro, às 19h, os três vão revelar o nome de uma de suas apostas de forma completamente gratuita. Estamos falando de uma criptomoeda que tem o potencial de multiplicar por até 50 vezes o seu investimento em apenas 12 meses. 

Para você ter uma noção, esse ativo não foi descoberto nem pelas grandes corretoras de cripto, como Binance e CoinBase. Mas isso não quer dizer que se trata de um negócio obscuro ou clandestino. É um investimento inteligente, que merece sua atenção e uma pequena parcela do seu patrimônio, segundo os especialistas. 

Afinal, veja só o que pouco dinheiro na criptomoeda que será revelada pode fazer:

  • R$ 100 investidos > R$ 5.000 de lucros
  • R$ 1.000 investidos > R$ 50.000 de lucros
  • R$ 5.000 investidos > R$ 250.000 de lucros 

Possibilidade de capturar lucros na casa de até 50 vezes o valor investido em apenas 12 meses. Quantos ativos você conhece que têm o mesmo potencial?

QUERO CONHECER A CRIPTOMOEDA QUE PODE TRANSFORMAR R$ 1 MIL EM ATÉ R$ 50 MIL NOS PRÓXIMOS 12 MESES

O time da Empiricus é perito em farejar boas oportunidades no mercado de criptomoedas. Só para te dar uma proporção dos “lucros escondidos” que a equipe já achou farejando oportunidades nesse gigantesco universo, vou contar uma breve história da Axie Infinity (AXS).

Em meados de janeiro, a Empiricus recomendou aos seguidores da série “Exponential Coins” a compra de uma moeda digital ainda pouco conhecida, chamada AXS. Para ela, o mercado ainda não tinha descoberto o potencial dos jogos desenvolvidos em blockchain que pagavam para que os usuários jogassem. Nesta época, a criptomoeda custava meros 54 centavos de dólar. 

À época, a recomendação foi um tanto quanto ridicularizada e muitos influencers de finanças descredibilizaram a casa de análise. Mas a tese se provou vencedora e eis o que aconteceu: a AXS valorizou cerca de 25.500% em menos de um ano. Isso significa na prática que:

  • Quem investiu R$ 100 em AXS, transformou seu patrimônio em R$ 25.500;
  • R$ 1.000 em AXS se tornaram R$ 250.000;
  • R$ 5.000 viraram R$ 1.255.000;

*Considerando as cotações de AXS de 1/1/2021 a 31/10/2021. Dados da Coin MarketCap.

Quem ridicularizou, saiu perdendo. Quem confiou nos especialistas, embolsou os lucros (e pode até ter se tornado milionário). 

É claro que lucros passados não são garantia de retornos futuros. Ningúem tem bola de cristal para “cravar” a valorização de qualquer ativo. Mas eu, pessoalmente, se tivesse que apostar em uma coisa nova como criptomoedas, gostaria de seguir as recomendações de um time que tem expertise no mercado. 

Esses três especialistas são responsáveis por duas das carteiras de cripto mais bem-sucedidas do Brasil: a Exponencial Coins e a Crypto Legacy, que já entregaram 3.954% e 3.549% de lucros, respectivamente, desde suas criações em 2017. Isso é a média das recomendações, que incluem moedas grandes e pequenas. Entre as microcoins, existem resultados ainda mais impressionantes, como o caso da AXS que rendeu 28.000% em menos de um ano.

Por isso, caso você queira se diferenciar no mercado de criptomoedas e receber em primeira mão a recomendação de quem entende a fundo sobre o assunto, basta se cadastrar gratuitamente através deste link. A decisão de clicar no link é sua. Mas depois não venha “chorar pelo leite derramado” se você perder a oportunidade de multiplicar seu patrimônio em até 50 vezes em apenas um ano. 

 QUERO SABER QUAL A MICROCOIN QUE PODE VALORIZAR 50 VEZES EM APENAS 12 MESES

Aviso: esta publicação é patrocinada e o Cointimes não é responsável pelo conteúdo, produtos ou serviços mencionados neste texto.

A NovaDAX está completando três anos!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil completa três anos no mês de novembro e quem ganha é você! 

Serão até 30 moedas com taxa zero para transações e mais de 80 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.