A polícia russa prendeu um ex-chefe dos correios por usar a rede de seu escritório para minerar criptomoedas, segundo um jornal local.

O homem supostamente usou a rede elétrica das instalações para minerar criptomoedas por mais de seis meses, usando “hardware profissional”, sugerindo que ele usava ASICs desde setembro de 2019.

Embora o nome do oficial não tenha sido divulgado, ele será cobrado por “abuso de poder”, de acordo com a lei russa.

De acordo com a investigação, os correios locais tiveram prejuízos de quase 30.000 rublos, ou aproximadamente R$ 2680.

Cointimes Awards

Atualmente existem projetos de lei em tramitação na Rússia a fim de proibir a compra de Bitcoin no país, uma delas propõe a prisão por 7 anos para o infrator.


Invista em criptomoedas com segurança, alta liquidez e as menores taxas do mercado.

NovaDAX: a exchange mais completa do Brasil com mais de 25 criptomoedas listadas e a melhor nota de atendimento ao cliente.

Conheça novadax.com.br