O Federal Reserve Bank anunciou há poucos dias que está desenvolvendo um novo serviço chamado FedNow, que permitirá que todos os bancos nos Estados Unidos ofereçam serviços de pagamento 24/7 em tempo real em todos os dias da semana. Espera-se que o FedNow esteja disponível em 2023 ou 2024 e inicialmente permitirá transferências de até US $ 25.000.

O FedNow tornará o gerenciamento de orçamentos mais fácil para muitas pessoas e pequenas empresas, mas também coloca o Fed em conflito com os grandes bancos, pois um sistema federal de pagamentos em tempo real competiria com o que está sendo desenvolvido pela Clearing House, que é de propriedade de alguns dos maiores bancos do mundo, incluindo o Capital One, o Citibank, o Wells Fargo, o Bank of America, o JP Morgan Chase e o Deutsche Bank.

O conselho de governadores do Federal Reserve votou por 4 a 1 para aprovar a proposta do FedNow.

Infraestrutura universal

Enquanto Venmo, Zelle (uma espécie de PicPay) e outros aplicativos já permitem que os usuários transfiram dinheiro instantaneamente, o Federal Reserve Bank descreveu serviços como esses como um “circuito fechado”, porque ambas as partes precisam estar na mesma plataforma para transferir dinheiro e podem apenas estar ligado a contas de certos bancos. Por outro lado, o FedNow será uma infraestrutura universal, permitindo que todos os bancos, incluindo os menores, forneçam pagamentos em tempo real.

Além disso, os métodos tradicionais de pagamento de varejo usados ​​para transferir fundos não apenas criam atrasos , mas podem “resultar em obrigações financeiras entre bancos que, à medida que o uso do pagamento cresce, podem apresentar riscos ao sistema financeiro, especialmente em épocas de estresse “, disse o board do FED.

Em uma FAQ, o Conselho da Reserva Federal explicou que “existe um amplo consenso na comunidade de pagamento dos EUA e entre outras partes interessadas” que os serviços de pagamento em tempo real podem ter um “impacto significativo e positivo em indivíduos e empresas em todo o país”.

A diminuição na fricção no sistema de pagamentos gera diversos benefícios. Por exemplo, pequenas empresas se beneficiarão porque podem evitar empréstimos de curto prazo com altas taxas de juros. Os clientes vão poder fazer pagamentos até em feriados e finais de semana.

Impacto no mercado de cripto

O principal projeto interessado em captar bancos para um sistema de pagamentos unificado é a Ripple Labs.

Em tese o anúncio do FED seria visto como algo desastroso para a Ripple, porém a reação de Dilip Rao (Head de Inovação da companhia) foi otimista. Ele disse que o “FedNow vai dirigir a transformação na infraestrutura de pagamentos em tempo real ao redor do globo

O FED não disse se a plataforma de pagamentos envolverá blockchain, mas sabemos que a Ripple Labs está envolvida na Força Tarefa de Pagamentos Rápidos do Fed desde 2015.

Talvez, esse novo sistema de pagamentos acabe ajudando na adoção da Ripple e seus produtos, incluindo a moeda XRP, amplamente negociada em exchanges de criptomoedas.

Adaptado de Techcrunch.