As pessoas farão qualquer coisa para pôr as mãos nessas doces criptomoedas, incluindo, talvez uma das mais audaciosas até agora, o uso de áreas secretas em uma usina nuclear para ocultar e alimentar máquinas de mineração.

De acordo com um processo judicial, uma pessoa com acesso de alto nível a partes da Usina Nuclear do Sul da Ucrânia colocou máquinas de mineração em um dos edifícios administrativos da usina e desviou a eletricidade da rede local, informa a RT.

Essa mineração na usina nuclear comprometeu segredos de Estado

A rede de mineração criada pelo indivíduo foi conectada à intranet da usina nuclear. Como resultado, as autoridades acreditam que o esquema comprometeu as disposições de segurança do site, que são consideradas um segredo de estado.

Em 10 de julho, as autoridades invadiram o prédio administrativo e apreenderam equipamentos de informática, incluindo seis placas gráficas AMD Radeon RX470, risers PCI, fontes de alimentação, coolers, uma placa-mãe, uma unidade flash USB e um disco rígido. A estrutura na qual todo o hardware de mineração foi montado também foi removida, reportagens locais.

Dada a natureza da usina, o equipamento externo de computador não está autorizado para uso nas instalações nucleares.

Visto que foi uma seleção de GPUs confiscadas, é improvável que o minerador oportunista estaria minerando Bitcoin. É muito mais provável que ele procurava obter algumas altcoins resistentes a ASICs. No entanto, os relatórios não esclareceram qual ou quantas criptomoedas eram mineradas.

Apesar do hardware especializado e da configuração complexa exigida, mineração de criptomoeda é uma equação bastante simples. Os mineradores precisam ter certeza de que seus custos operacionais não excedem o ganho potencial de criptomoedas mineradas. Isso significa equilibrar o custo do hardware com o custo da eletricidade. E eletricidade gratuita significa muito mais lucro.

Fonte: thenextweb.

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br