A Fundação Nem, responsável por promover e educar o mercado sobre a criptomoeda XEM está a beira da falência.

Em um tweet publicado no dia 30 a nova direção da NEM publicou alguns dados preocupantes e o principal é que a instituição só poderá funcionar pelo próximo mês.

Em comunicado no fórum oficial, a nova direção da organização explicou a situação desoladora do caixa. Eram gastos mais de 9 milhões de XEMs mensalmente e havia falta de alinhamento entre as representações nos diversos países que ela estava presente.

A estrutura de gastos será reduzida em 60%, entretanto será preciso fazer uma captação entre os detentores da criptomoeda para a fundação se manter.

Precisamos de 160 milhões

O novo conselho quer levantar 160 milhões de XEM, o que equivale a 7,5 milhões de dólares na cotação de hoje para continuar os trabalhos.

São mais de 150 funcionários trabalhando na instituição, não sabemos ainda quantos serão desligados e qual será o corte de custos com funcionários após a arrecadação.

Apesar da situação o novo conselho está otimista e acha que será possível reverter o caso, aumentar a transparência, cortar gastos e melhorar o alinhamento dos representantes em cada país fazem parte da solução.

Vale lembrar, o projeto NEM não precisa necessariamente da Fundação NEM para continuar vivo e que não é apenas essa organização que está sofrendo com o mercado em baixa.

No post abaixo mostramos a situação de outras empresas e a onda de demissões no mercado de criptomoedas:

Esperamos que a Fundação se recupere desse tombo e aplique melhores práticas de gestão.

Você gostou desse conteúdo? Nós temos muito mais! Siga e compartilhe a página do Cointimes para se manter atualizado com os conteúdos mais relevantes. Estamos em todas as mídias sociais também: FacebookTwitterInstagram e Telegram