Passfolio

Segundo o grupo financeiro Goldman Sachs, a empresa de snacks Utz Brands dará vantagens aos investidores de ações de consumo, mesmo com a inflação alta.

Ações de consumo são aquelas de empresas de varejo, alimentos, vestuário, bens de consumo e outras, que geralmente se beneficiam de forma direta do aumento da renda da população. 

No entanto, mesmo com a inflação alta, o aumento das taxas de juros e o medo de uma recessão, o grupo Goldman Sachs acredita no setor. 

Saiba mais: Mesmo preocupados, investidores estão acumulando ações nos EUA

Passfolio

Segundo o analista Jason English, a categoria de alimentos tem uma fundação sólida e é resistente à inflação, por este motivo, as ações da Utz Brands (UTZ) são atrativas para compra.  

A empresa de produtos como salgadinhos de queijo, batata chips, tortilhas e pretzels, que constituem quase 2/3 de suas vendas, demonstra uma perspectiva de crescimento acima da média, segundo English.

A forte execução à mercado da Utz, junto do benefício de iniciativas orgânicas, “está impulsionando a distribuição e os ganhos de participação de mercado,” e o analista acredita que esse impulso pode continuar.

Ainda que as ações da Utz tenham caído mais de 22% neste ano, elas ganharam uma modesta participação de mercado no mesmo período, especialmente em comparação com os últimos anos, observou English.

Para o analista, a ação está em um “momento de compra obrigatória,” por isso, o grupo Goldman estabeleceu a meta de preço de US $16 por ação, quase 30% acima do valor fechado na quinta-feira (16).

Se você se interessa por ações norte-americanas e deseja começar a investir de forma simples hoje mesmo, crie a sua conta na Passfolio.

Veja também outras matérias do Stocktimes:

Passfolio