O gigante bancário JPMorgan acredita que mais empresas de pagamento permitirão que seus clientes comprem bitcoin (BTC) através de seus aplicativos, semelhante ao Cash App da norte-americana Square.

Em uma nota de pesquisa na terça-feira, estrategistas do JPMorgan liderados por Nikolaos Panigirtzoglou escreveram que o Aplicativo Cash da Square, que adicionou negociação de bitcoin em 2018, superou o Grayscale Bitcoin Trust como um veículo para compras de bitcoin por millennials dos EUA no 2º trimestre. Dada a popularidade do aplicativo, os estrategistas do JPMorgan acreditam que “outras empresas de pagamentos vão seguir para facilitar investimentos em bitcoins ou riscos de serem deixadas para trás”.

De fato, rumores dizem que as gigantes de pagamentos PayPal e Venmo estão em obras para oferecer serviços de compra e venda de criptomoedas para seus milhões de usuários. O PayPal revelou separadamente que está desenvolvendo recursos cripto.

O Cash App da Square facilitou US$ 858 milhões em compras de bitcoin no 2º trimestre, enquanto o Bitcoin Trust da Grayscale facilitou US$ 750 milhões em compras de btc no mesmo trimestre. “Acreditamos que os millennials, ou os mais jovens do universo de investidores de varejo dos EUA, têm usado o Cash App como um veículo alternativo ao Grayscale Bitcoin Trust para adicionar às suas participações em bitcoin”, disseram os estrategistas do JPMorgan.

Embora a Square ainda não revele números para o 3º trimestre, analistas disseram que assumir uma demanda semelhante de US$ 700 milhões no Grayscale Bitcoin Trust implica que os millennials dos EUA compraram o equivalente a US$ 1400 milhões em bitcoin no trimestre.

Situação no Brasil

Enquanto nos EUA o Cash App faz sucesso entre os millennials, no Brasil não temos algo semelhante. Aplicativos como PicPay, AME e novos bancos como Nubank parecem avessos ao universo de criptomoedas.

Contudo, corretoras como Foxbit, NovaDax e BitcoinToYou disponibilizam ótimos aplicativos para compra criptoativos no Brasil. A recém-chegada Binance também tem um app repleto de soluções. 

Será que teremos mudanças no Brasil?

Veja também: Como comprar Bitcoin no Brasil?