O vídeo “Charlie Bit My Finger” está programado para ser excluído do YouTube – depois que a família por trás do clipe viral o vendeu como NFT por US$ 760.999.

No vídeo, um dos primeiros no YouTube a virar meme da internet, o britânico Harry, de 3 anos, enfia o dedo na boca do irmão de 1 ano.

No início deste mês, a família Davies-Carr do Reino Unido (cujos filhos são apresentados no vídeo clássico) disse que leiloaria “Charlie Bit My Finger” como um NFT. Além de possuir o “fenômeno do YouTube a ser excluído em breve”, o comprador também terá “a oportunidade de criar sua própria paródia do vídeo com as estrelas originais, Harry e Charlie”.

O leilão da NFT de “Charlie Bit My Finger” foi vencido por um usuário com o nome de tela “3fmusic” no domingo, 23 de maio, com um lance de US$ 760.999. Uma conta no Twitter com o mesmo nome – que no domingo tuitou “CHARLIE BIT ME!” – descreve a 3F Music como “um dos melhores e bem equipados estúdios de música no Oriente Médio” com sede em Dubai, mas não está claro se é a mesma entidade que venceu o leilão da NFT. 

O pai dos meninos, Howard Davies-Carr, disse à CBS News que o dinheiro da venda da NFT “significa que Harry vai para a universidade e tem um bom lugar para ficar e não precisa ter um emprego em bar”.

A família vai retirar o vídeo original do YouTube (oficialmente intitulado “Charlie mordeu meu dedo – de novo!”), mas até o momento, ele continua disponível. 

Vale a pena relembrar o meme enquanto ainda há tempo!

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br