Cointimes
Altcoins

Monero dispara 10% e 38% contra o Bitcoin em 3 meses

Monero sob teclado

A criptomoeda privada Monero  consegue um ótimo resultado contra o par Bitcoin e nesta manhã de quinta-feira subiu 10% perante o dólar. O que acontece com o Monero? Por que o preço do Monero subiu?

A moeda mais privada do mundo ganhou tração e fechou os últimos 3 meses com uma impressionante alta de 38% perante o par bitcoin.

Monero subindo 38% perante o Bitcoin

Para os representantes da carteira CakeWallet o ganho de 10% em dólar não é grande notícia, mas a performance  “XMR/BTC é”.

Por que o preço do Monero está subindo?

A artista Barbra Streisand explica a alta do Monero

O preço do Monero está subindo por diversos fatores, dentre eles:

A maior adoção se dá após os principais mercados livres de negociação anônima largarem o bitcoin como moeda padrão e migrarem para o Monero. Explicamos esse movimento no texto  “Monero se torna moeda padrão do mercado negro e bate recorde”. Isso resultou na dominância quase completa dessa criptomoeda no setor de privacidade.

Conforme dados do Coinmetrics, a XMR atingiu a maior dominância no mercado de moedas privadas desde 2017:

Outro fator que impulsiona o preço do ativo privado é o efeito Streisand. Segundo a Wikipédia: “O efeito Streisand (em inglês: Streisand effect) é um fenômeno social em que uma tentativa de ocultar, censurar ou remover algum tipo de informação se volta contra o censor, resultando na vasta replicação da informação, muitas vezes facilitada pela Internet.”

O efeito Streisand foi nomeado após a artista Bárbara Streisand processar um fotógrafo por fotografar a sua casa em Malibu, ela queria privacidade mas o processo levou atenção ao caso e o efeito foi o oposto.

Por exemplo, o governo norte-americano contratou empresas para tentar rastrear as transações de Monero e censurar a rede, já o governo alemão já soltou notas preocupado com a privacidade proporcionada por ela, enquanto os japoneses proibiram qualquer exchange de aceitá-la. Tudo isso potencializa o efeito Streisand e enquanto o bitcoin existir será possível negociar XMR em corretoras descentralizadas, ou seja, a perseguição só serve de propaganda. 


Além disso, alguns upgrades vão acontecer em outubro e melhorar a capacidade de processamento de transações da rede.  Como resultado, o XMR está crescendo e já se tornou a moeda favorita de antigos bitcoiners como o famoso milionário Dollar Vigilante que comprou btc a US$3.

A NovaDAX está cheia de novidades!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil agora ZEROU as taxas para saque em real!

A NovaDAX também conta taxa zero para transações de Bitcoin e mais de 110 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.

Posts relacionados

Bitcoin chega a quase US$ 40.000 enquanto inflação americana chega a 7,09% – Resumo de Mercado 

Bruno Haacke
11 de março de 2022

Ethereum foi experimental e agora é hora da Solana, diz especialista

Bruno Haacke
12 de novembro de 2021

Maiores baleias do Ethereum estão acumulando essas moedas, veja quais

Gustavo Marinho
20 de novembro de 2021
Sair da versão mobile