Cointimes
Altcoins

Muir Glacier, novo hardfork do Ethereum, ocorrerá em 1º de janeiro

ethereum análise avaliação altcoin ether

Avaliação ethereum cointimes

O início do ano novo entregará um hardfork para o Ethereum, chamado Muir Glacier. Apenas algumas semanas após o último (Istanbul), o novo fork deve resolver os problemas que ainda restam e deve acontecer na quarta-feira, 1 de janeiro de 2020.

Leia também:
++ UEFA vai tokenizar ingressos da Euro 2020 via blockchain do Ethereum
++ Co-fundador do Ethereum é questionado após venda milionária de ETH

Muir Glacier para começar 2020

A atualização ocorrerá no bloco de número 9.200.000, que deve ser em 1º de janeiro de 2020. No entanto, a data pode mudar devido a variação do intervalo entre blocos.

O Istanbul trouxe vários novos recursos e atualizações em relação aos custos de gás, resiliência adicional contra ataques de negação de serviço (DDoS) e interoperabilidade com criptomoedas baseadas em PoW.

No entanto, parece que os desenvolvedores do Ethereum cometeram um erro inesperado e não consideraram um recurso crucial – “Era do Gelo” ou “Bomba de Dificuldade”.

Isso aumenta a dificuldade de mineração na rede a cada 100.000 blocos. Como as mineradoras enfrentam dificuldades para se adaptar, isso leva a um tempo de bloqueio mais lento, e toda a rede congela com o tempo.

A missão da Muir Glacier é empurrar ainda mais a Bomba de Dificuldade em quatro milhões de blocos (ou 1,7 anos) para que os desenvolvedores do Ethereum tenham tempo suficiente para resolver o problema como um todo.

A Era do Gelo já está ocorrendo mais cedo do que o esperado, como os tempos médios de bloqueio aumentaram em quase dois segundos no mês passado, de modo que o Muir Glacier é a resposta emergencial do Ethereum.

O que muda para os usuários e para o preço do ETH

A declaração oficial diz que a maioria dos usuários não precisaria fazer nada específico para implementar os novos recursos do hardfork:

“Se você usa uma exchange, um serviço de carteira web, um serviço de carteira mobile ou uma carteira de hardware, não precisa fazer nada, a menos que seja informado sobre as etapas adicionais do seu serviço de exchange ou carteira”.

Por outro lado, também mostra as versões mais recentes de vários recursos do Ethereum que os operadores e mineradores de nós precisam fazer o download.

Quanto ao preço, a segunda maior criptomoeda registrou uma subida nas últimas 24 horas, mas no geral está em tendência de baixa nas últimas semanas.

Em novembro, antes da realização da Istanbul, o ETH estava sendo negociado a cerca de US$ 180-190. Depois que o problema da Era do Gelo foi notado, o preço caiu para menos de US$ 120 e atualmente subiu para US$ 135.

Cotação do ETH nas últimas semanas.

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

Sair da versão mobile