Uma análise on-chain que investigou os hábitos de consumo revelou que mais bitcoins estão ficando parados e os investidores de longo prazo não estão abrindo mão de seus ativos.

O último relatório do provedor de análises Glassnode revelou mais detalhes sobre os hábitos de consumo dos usuários de Bitcoin, conhecidos como bitcoiners, o que pode sugerir que o sentimento geral do mercado ainda é de alta.

A empresa observou também que as saídas contínuas de bitcoins das exchanges demonstram que o acúmulo por parte dos investidores não está diminuindo.

Ondas de HODL estão se tornando maiores

Carteiras menores estão aumentando à medida que o acúmulo de satoshis se torna popular para novos participantes nos mercados de Bitcoin. Aqueles que compraram antes ou durante o mercado de alta anterior em 2017 terão realizado alguns lucros, mas agora está começando a desacelerar.

O relatório da Glassnode afirmou que muitos BTCs estão a caminho de se tornarem classificados como moedas de titular de longo prazo (long term holder ou LTH) com mais de 155 dias. Estes são os primeiros sinais de uma nova geração de hodlers, forjada no atual mercado de touro de 2020/21.

Ao analisar as ondas HODL, que apresentam uma visão macro da distribuição de idade das moedas e podem oferecer insights sobre o comportamento dos gastos, ele descobriu que o volume de bitcoins com uma vida útil entre 1 e 6 meses aumentou em mais de 9,5% da oferta. Houve uma aceleração notável a partir de três meses atrás, exatamente quando o ativo começou a registrar novas máximas históricas.

ondas de hodl, gráfico
Tanto a quantidade de moedas com 1 a 3 meses sem movimento quanto as moedas que estão paradas de 3 a 6 meses aumentaram significativamente nas últimas semanas. Fonte: Glassnode.

O estudo acrescentou que, uma vez que uma moeda envelhece ou é segurada por 5 ou 6 meses, é cada vez mais provável que permaneça inativa e seja reclassificada como detentora de longo prazo (LTH).

“A mensagem para levar para casa aqui é que os investidores e traders continuaram a comprar BTC, em todo este mercado em alta.”

A pesquisa concluiu que, à medida que as moedas amadurecem e envelhecem, é mais provável que sejam detidas por mãos mais fortes, que não são abaladas pela volatilidade dos preços. O analista Willy Woo reiterou as descobertas, acrescentando o “efeito Elon Musk”, que acelerou a tendência ao hodl:

“Os primeiros investidores gostam de lucrar vendendo suas moedas (que carregam mais dormência) em cada alta, então esse cara [Elon Musk] chega e decide comprar, e agora eles ‘hodlam’ como o resto de nós.”

Efeito Elon Musk, gráfico
Média móvel da “dormência” das moedas de bitcoin e, em azul, o dia do anúncio da compra de BTC da Tesla. Fonte: Willy Woo e Glassnode.

De acordo com dados do Coingolive, o bitcoin é negociado por volta de US$ 58.820 no exterior e R$ 338.350 no Brasil com alta de 13% nos últimos 7 dias.

Veja também: Paypal lançará hoje serviço para comércios aceitarem bitcoin, criptomoeda dispara

A NovaDAX está completando três anos!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil completa três anos no mês de novembro e quem ganha é você! 

Serão até 30 moedas com taxa zero para transações e mais de 80 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.