A Ant Group, empresa líder no desenvolvimento de plataformas de serviços financeiros, dona da Alipay, o maior sistema de pagamentos da China, lançou o Trusple (trust made simple). O Trusple será uma plataforma internacional de comércio que funcionará com a utilização de contratos inteligentes registrados em blockchain.

A plataforma pretende tornar mais fácil, rápido, barato e seguro a venda de produtos para clientes ao redor do globo, especialmente para pequenas e médias empresas, reduzindo, assim, os custos para realização de comércio.

“O Trusple foi projetado para resolver problemas das micro e pequenas empresas e instituições financeiras envolvidas no comércio internacional”, disse Guofei Jiang, presidente do Grupo de Negócios de Tecnologia Avançada do Ant Group. 

“Assim como quando Alipay foi apresentado em 2004 como a solução de pagamento de garantia on-line para construir confiança entre compradores e vendedores, com o lançamento do Trusple movido a AntChain, esperamos tornar o comércio internacional mais seguro, confiável e eficiente para compradores e vendedores, bem como para as instituições financeiras que os atendem.”

A plataforma faz parte de estratégia para o lançamento do que pretende ser o maior IPO do mundo, com objetivo de arrecadar US$ 35 bilhões, superando os 29,4 bilhões de dólares da petrolífera Saudi Aramco, realizada ano passado.

A empresa também contará com um perfil de reputação para os vendedores que poderá ser consultado para o fornecimento de crédito às empresas. 

A confiança

O grande problema que o Bitcoin resolve é, na verdade, um problema de confiança. Ele permite um sistema de transferência de valores em que as partes não precisam confiar umas nas outras para que ele funcione perfeitamente bem. 

Plataformas centralizadas de vendas, como o Mercado Livre e a Amazon criam um certo nível de confiança entre as partes por meio de um histórico de avaliação passada. Apesar de funcionar, a solução embute custos gerenciais para o funcionamento da empresa. Uma plataforma descentralizada acrescenta ainda mais segurança e reduz custos para a realização de comércio.