O Bitcoin chegou a cair mais de US$1.500 em apenas 15 minutos, saindo de ~US$ 10.000 e chegando até US$8.600

Preço do Bitcoin no Brasil, está bom para comprar

No Brasil, o preço da criptomoeda acompanhou a queda na maioria das exchanges. Na Foxbit o preço caiu de R$54 mil e está sendo negociado a R$50 mil.

gráfico preço do bitcoin na foxbit

A diferença de apenas 1,79% no preço do bitcoin brasileiro se comparado com o resto do mundo (cotação da Bitstamp), é um bom incentivo para quem já estava planejando comprar btc de qualquer forma.

Por que o preço caiu?

A queda aconteceu exatamente na abertura do mercado futuro de Bitcoin da CME.

“O BTC caiu -US$ 1000 em 15 minutos na abertura nos EUA (exatamente no mesmo horário e volumes de 20 e 21 de maio)”.

comentou o investidor PlanB no Twitter.

Pouco antes da queda, o inflow de bitcoin para exchanges Binance e Bitmex teve um aumento considerável.

Como resultado, alguns analistas acreditam que a combinação de baleias vendendo e contratos no mercado futuro causaram essa grande variação no preço do bitcoin hoje.

Espere mais volatilidade ainda

Para quem acha que a situação irá se acalmar, os dados onchain mostram um caminho nada promissor nessa perspectiva. Pelo contrário.

Nessa última semana vimos uma deterioração maior em métricas de rede e liquidez.

Com destaque para o crescimento da rede, que caiu 20% em 7 dias.

Outro destaque é a liquidez. A liquidez sofreu uma pequena queda na semana passada, impulsionada por uma queda na liquidez da negociação. Seu valor atual de 41 pontos leva a uma nova baixa para o ano de 2020, à medida que o BTC continua saindo das exchanges.

Apesar disso, o sentimento do investidor cresceu, principalmente devido a alta de US$10.000. Se o BTC voltar a esse preço, a Glassnode acredita que precisaremos de métricas onchain melhores para vermos um movimento mais bullish.