Em entrevista à Jovem Pan, o vice-presidente Hamilton Mourão disse que a prioridade para o governo é avançar nas privatizações e reformas.

“Destaco concessões, privatizações e as reformas administrativa e tributária como pontos que temos colocar como prioridade em 2020″, afirmou o general.

Ele completou, culpando parte da baixa produtividade no Brasil às estatais, sendo a privatização uma solução.

“Não resta dúvida, e o segmento da sociedade civil que acompanha com maior intensidade a situação econômica já compreende há algum tempo, que nós temos dois grandes problemas estruturais: o déficit das contas públicas e o problema da baixa produtividade. O déficit já tem sido e será atacado com a reforma da Previdência e a reforma administrativa, que deve ocorrer no próximo ano. E a produtividade poderá ser melhorada com concessões. Devemos atrair mais investimentos privados.”

Hamilton parece se alinhar com a ala liberal do governo Bolsonaro, contudo, ele é contra a privatização da Petrobras e empresas estratégicas.

Veja também: Bolsonaro decide não privatizar Banco do Brasil