Cointimes
Altcoins

Qual o impacto do Hard Fork da Cardano no mercado?

Hard Fork da Cardano

Sem dúvida, uma das grandes expectativas para essa semana, era o Hard Fork Mary da Cardano, que ocorreu na última segunda-feira (01). A equipe por trás do criptoativo conseguiu trabalhar com o Hard Fork Combinator. Ou seja, fez a atualização sem que houvesse interrupções ou reinicialização do sistema da Cardano. Sendo assim, não houve a destruição do protocolo anterior e os blocos Bryon e Shelley continuam dentro da atualização Mary. 

De fato, esse é um grande passo para a altcoin, pois ela se tornará mais atraente ao trazer recursos de tokens nativos e capacidade de múltiplos ativos para seu blockchain. Para que você entenda como essa atualização é importante e um destaque da era Goguen, vamos explicar agora o que são esses tokens e porque eles são significativos para o mercado de criptoativos. 

A importância dos tokens nativos 

A funcionalidade de tokens nativos surgiu com o intuito de permitir que os usuários da altcoin criem tokens definidos de forma exclusiva. Além disso, poderão realizar transações com eles diretamente no blockchain da Cardano.

Como resultado da atualização Mary, a infraestrutura da altcoin não processará apenas ADA, mas sim transações que carregam simultaneamente vários ativos. Em contrapartida com a rede do Ethereum, a da Cardano não precisa de contratos inteligentes para lidar com as transações ou criação de seus tokens. Sendo assim, os ativos estarão mais seguros, pois não passarão por erros manuais. 

Não podemos deixar de destacar que não precisar de um contrato inteligente diminui os custos dessa arena. Só para exemplificar, os tokens vindos da razão nativa da Cardano poderão ser enviados, recebidos e queimados sem que haja alguma cobrança de taxa de transação, como observamos nos tokens que nascem de contratos inteligentes.

O que esperar agora? 

Certamente esse ano será um dos melhores em atualizações para a Cardano. Mary foi apenas mais uma jornada da era Goguen. Atualmente, enquanto já podemos ver o surgimento de tokens na rede do criptoativo, veremos a equipe por trás da altcoin  se preparando para o Hard Fork Alonzo. Logo após essa atualização, veremos contratos inteligentes sendo criados no blockchain da Cardano.

Esses contratos virão da linguagem de programação Glow que permite que qualquer pessoa escreva aplicativos baseados em blockchain e os implante na altcoin. Como o Glow permite que os desenvolvedores escrevam aplicativos descentralizados com um número menor de linhas de código, o processo de desenvolvimento é reduzido e simplificado.

Outros pontos como baixas taxas, segurança e velocidade também serão vistas nessa área. Ou seja, vai ficar cada vez mais difícil não ver a Cardano como uma verdadeira concorrente do Ethereum

Não esqueça de deixar sua opinião sobre a Cardano e o que espera para seu desenvolvimento em 2021 na seção de comentários abaixo.

Veja também o podcast que fizemos sobre a Cardano no link abaixo:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

Sair da versão mobile