Um relatório produzido pelo IntSights, empresa de cibersegurança, afirma que América Latina possui os piores números em crimes financeiros por cibercriminosos do mundo. Além disso, apontou a possibilidade de existir inúmeros grupos de crimes organizados na região, e a situação aparenta só piorar.

“Em 2019, a equipe de pesquisa da IntSights começou a investigar campanhas persistentes de phishing lançadas contra clientes nos setores de varejo e serviços financeiros na Colômbia e no Brasil. […] Cibercriminosos muito persistentes estavam operando esquemas mirando em bancos, hospitais e empresas de varejo por suas credenciais e ativos financeiros.”

A situação na América Latina

A condição da região é agravada por conta de eventos como a notória crise político-econômica da Venezuela; esta teria trazido motivação a indivíduos buscarem formas de lucrar com cibercrimes.

Não só temos baixa presença de equipes de segurança na região, mas também afirma-se de que a América Latina possui alguns dos mais sofisticados hackers do mundo, com a tendência de “formar carreiras”.

“[…] As áreas em desenvolvimento na América Latina concentraram esforços em estabilidade, crescimento econômico, defesa nacional e combate ao crime organizado. A combinação desses fatores criou um ambiente propício para hackers com motivação financeira, fraudadores persistentes e até cartéis de drogas que trabalham com criminosos cibernéticos.”

Dentre as principais falhas observadas pelo Sumário IntSights Crime no combate contra cibercriminosos dos países da América Latina, destaca-se, no Brasil:

  • A falta de estatísticas dificulta a avaliação do processo do Brasil no combate à lavagem de dinheiro. O governo não mantém números atualizados de processos ou condenações por lavagem de dinheiro.
  • Investigações aprimoradas de casos de lavagem de dinheiro podem ainda revelar outros escândalos de corrupção no Brasil. O escândalo da Petrobras no país começou inicialmente em 2014 como uma investigação de lavagem de dinheiro.

Criptomoedas, exchanges, mixing

Serviços de “mixing”, de acordo com nosso Glossário Bitcoin, consiste de misturar criptomoedas identificáveis com outros. Assim, o rastreamento se torna inconsistente, aumentando a privacidade do usuário.

Infelizmente, algumas das exchanges não coletam informações de identificação dos usuários (sistema Know-Your-Customer, ou KYC). Visto que dados de usuários cruciais não são armazenados, muitos se aproveitam para lavar dinheiro por métodos similares.

Portanto, criminosos exploram essas exchanges sem regulamentações para misturar criptomoedas em canais sem rastreamento, trocando-as por múltiplos tokens e Altcoins diferentes.

Pishing e Clonagem de Cartões

Outro problema frequente da região é o roubo de cartões de crédito, para realizar compras fraudulentas pela internet. Um dos métodos, é uma espécie de devolução de dinheiro para ajudar na lavagem de fundos roubados.

No relatório, a Intsights explica como funciona o processo dos cibercriminosos:

  1. Criminosos anunciam que pagarão faturas de clientes a uma taxa com desconto (por exemplo, R$50,00 por uma conta elétrica de R$100,00).
  2. O cliente deposita dinheiro na conta bancária do criminoso. Isso geralmente é feito em lojas de conveniência ou mercearias.
  3. Os criminosos usam cartões de crédito roubados para pagar a conta em nome do cliente, e ficam com o dinheiro do cliente.

Ainda mais, em postos de gasolina do México, muitos atendentes aproveitavam para clonar os cartões de clientes e vender as informações a cibercriminosos, que os utilizariam em tais esquemas.

Como resultado dessas práticas, empresas aéreas passaram a recusar compras por cartões de crédito, ou pedem a apresentação do mesmo antes do voo. Caso contrário, o cliente deverá pagar na hora em dinheiro.

Por fim, o relatório fala sobre fraudes e a tendência de consumidores de caírem em sites de bancos falsos, utilizando seus dados oficiais. Em outros casos, também podem cair vítimas de malware e ransomware, tipos de vírus populares que roubam dados e podem até encriptografá-los.

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br