Roger Ver, CEO do Bitcoin.com, gravou um vídeo pra mostrar que seu post no fórum BitcoinTalk havia sido arquivado e os comentários apagados. A ação foi feita por um moderador anônimo, mas Ver acredita que Theymos teria feito isso.

Um pedido desesperado por ajuda

O antigo post, de julho de 2012, era sobre o hack da Bitcoinica, uma antiga exchange de bitcoins que teve cerca de 122 mil bitcoins roubados, que na data representavam em torno de 610 mil dólares. Até aquela data, este tinha sido o maior ataque hack da história do Bitcoin, que depois foi superado pelo ataque na Mt. Gox.

Desses 122 mil bitcoins, 24,841 mil eram de Roger, que afirma com quase certeza que o ataque veio de um próprio operador da exchange, e não de um agente externo. Em seu post ele diz que está a meses pedindo seu dinheiro de volta e não obtém resposta.

Roger Ver sempre foi um entusiasta de Bitcoin, e por ser esse evangelista da criptomoeda ele recebeu o apelido de Bitcoin Jesus. E em seu post ele ressalta essa característica de promovedor de Bitcoin, e diz que os 24 mil bitcoins seriam para essa sua causa.

Theymos e o histórico de censura

“Theymos foi uma das piores coisas que aconteceu pro Bitcoin. Ele é um tirânico totalitário e censurador” Disse Roger. Theymos é um moderador do Bitcoin Talk, do r/bitcoin no Reddit e co-proprietário do site Bitcoin.org. Ou seja, ele está à frente de boa parte da comunidade, e é acusado há muito tempo de censura nessas plataformas.

A crítica é que a censura dificulta a discussão saudável, podendo distorcer a opinião dos usuários, principalmente os mais novos, segundo Roger Ver. Sua solução foi propor mudanças para fóruns supostamente livres de qualquer censura, um deles é o r/btc no Reddit.