Em painel de discussão no Bloomberg Financial Innovation Summit, muito foi discutido sobre perspectivas após o lançamento de ETFs lastreados em futuros, que foi um divisor de águas.

Mas, para os fanáticos por criptomoedas, o Santo Graal continua sendo um produto com suporte à vista (spot).

Essa foi uma fala bastante repetida entre os palestrantes do Summit que ocorreu ontem (04), onde o assunto surgiu repetidamente.

O que mais disseram os painelistas?

Para Michael Saylor, “os fundos baseados em futuros são inferiores, mas são a melhor coisa que os investidores institucionais podem obter agora. Os ETFs se conectam à estrutura de títulos atual, às principais corretoras existentes e aos pacotes de garantias existentes.”

O Bitcoin está avançando em direção ao ouro (em termos de market cap) de maneira bastante rápida, e nos próximos dois a três anos, deverá ultrapassar todos os fundos negociados em bolsa de ouro, disse o CEO da MicroStrategy Inc. 

Saylor adicionou que, para ele, o bitcoin também emergirá como o principal índice de ativos para o mundo ocidental, e eventualmente substituirá o S&P 500 ETF Trust (código SPY), que é um fundo de US$ 425 bilhões que acompanha o índice de ações.

“Para que isso aconteça, é necessário um ETF à vista”, disse Saylor, que investiu o caixa de sua empresa na moeda digital. E uma vez que esses ETFs pontuais sejam lançados, veremos bilhões, depois dezenas de bilhões, depois centenas de bilhões, e então trilhões de dólares fluindo para eles.”

Esses ETFs serviriam como uma rampa institucional para investidores que desejam essa exposição, disse Saylor, que é conhecido por suas visões maximalistas sobre o Bitcoin.

Ele ainda acrescentou que pretende continuar a adquirir mais Bitcoins.

Nic Carter, sócio geral da Castle Island Ventures e co-fundador da Coin Metrics, concorda que o produto baseado em futuros é “inferior”. Ele diz que um ETF de Bitcoin à vista seria “o lançamento de ETF de commodity mais quente de todos os tempos, atraindo provavelmente bem mais de US$ 100 bilhões em ativos em um mês ou mais”.

ETFs

Dois fundos que rastreiam os futuros do Bitcoin começaram a ser negociados em outubro. 

O primeiro, o ProShares Bitcoin Strategy ETF, acumulou mais de US $ 1 bilhão em ativos em apenas alguns dias, enquanto o segundo, o Valkyrie’s Bitcoin Strategy ETF, teve uma recepção mais silenciosa, mas ainda vigorosa.

Suas estreias geraram muita empolgação sobre a aceitação de Wall Street em relação à criptomoedas, e ajudaram a pavimentar o caminho para novas aplicações de produtos semelhantes.

Aprovação de ETFs spot

Os ETFs Spot-Bitcoin já são negociados em outros países, inclusive no Canadá. “Eles funcionam muito bem”, disse Carter. “Não há explicação para a dificuldade de aprovação nos EUA, que facilitaria o acesso ao BTC para todos os tipos de investidores diferentes.”

Desde o lançamento dos dois fundos iniciais, os emissores correram para solicitar outros produtos semelhantes ou derivados.

Alguns analistas preveem que muitos mais desses instrumentos podem inundar o sistema nos próximos meses, embora os reguladores até agora tenham hesitado em relação a alguns deles.

A Direxion, fornecedora de produtos financeiros conhecida por seus ETFs alavancados, retirou um pedido na terça-feira para lançar o ETF Direxion Bitcoin Strategy Bear.

A Valkyrie também retirou seu requerimento para o ETF Valkyrie XBTO Levered BTC Futures, que entregaria 1,25 vezes o preço de referência do Bitcoin.

Mas os reguladores dos EUA ainda não deram luz verde para um produto cripto com suporte à vista.

Reclamações sobre a proteção dos investidores em relação aos ETFs de Bitcoin spot “soam completamente vazias para mim”, disse Carter. “O motivo parece ser simplesmente suprimir o crescimento do Bitcoin.”

Hester Peirce, um membro republicano da Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos, justifica a rejeição de um produto à vista pelos reguladores: “A razão é que os mercados de Bitcoin não se parecem com nossos mercados de valores mobiliários regulamentados”, disse ela na cúpula na quinta-feira. 

Será mesmo?

Leia mais: 

A NovaDAX está completando três anos!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil completa três anos no mês de novembro e quem ganha é você! 

Serão até 30 moedas com taxa zero para transações e mais de 80 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.