A Usina de Energia “Greenidge Generation” foi recentemente equipada com 7.000 mineradoras, alimentando-as com energia da planta de gás natural da estrutura. Com isso, é capaz de minerar 5,5 bitcoins por dia, o que daria em torno de US$50 mil dólares na cotação atual.

Kevin Zhang, chefe da divisão de estratégias de blockchain da Greenidge, disse que a iniciativa visava expor investidores em potencial aos mercados de criptomoedas e energia, simultaneamente.

Além disso, a conversão da planta de carvão à gases naturais, incluindo a instalação da fazenda de servidores, teria custado US$65 milhões. Por outro lado, também houve mudanças na infraestrutura elétrica para alimentar as máquinas.

Segundo afirmação do Chefe Executivo Dale Irwin, a conversão da usina a gás natural seria complementada pela operação de mineração, que exaltaria “o compromisso exclusivo da usina com a gestão ambiental”.

“Devido à nossa posição única como uma instalação de co-geração, somos capazes de ganhar dinheiro em mercados em baixa, para que estejamos disponíveis para pegar a vantagem de oscilações voláteis de preços”

Chefe Financeiro de Greenidge, Tim Rainey, em entrevista ao Bloomberg

Atualmente, a fazenda consome 14 dos 106 megawatts gerados por Greenidge. É eletricidade suficiente para abastecer mais de 11.000 residências americanas médias.

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br