Breaking News  
Minuto Cointimes #07 – Verge , Coinbase e Paradex, Thomas Lee

Minuto Cointimes #07 – Verge , Coinbase e Paradex, Thomas Lee

Neto Guaraci
Neto Guaraci

Fala galera, hoje no dia do orgulho nerd temos a resposta para tudo, inclusive a cotação do bitcoin, o hack contra ataca e uma nova esperança para o Chile.

Verge – Segundo hack em menos de um mês

Verge, a mesma moeda que fez fama ao criar uma parceria com o site PorHub foi hackead pela segunda vez em menos de um mês.

No mês passado um hacker explorou uma vulnerabilidade no timestamp de um dos algoritmos de mineração, criando grandes quantidade de XVG em pouquíssimo tempo. Um ataque parecido foi usado no último dia 21, com pequenas modificações o hacker foi capaz de efetuar o mesmo ataque.

Já foram minerados  mais de 1,7 milhões de dólares em Verge. Segundo o Twitter oficial dos desenvolvedores eles não conseguiram resolver o problema.

A pequena e vocal comunidade da criptomoeda  assiste perplexa ao ataque. Enquanto alguns acham que é o momento para comprar, outros praguejam contra os desenvolvedores e liquidam suas moedas.

Mais informações sobre hack da Verge no blog The Abacus.

Hack do ICO Smarttaylor

No dia 21 de Maio, a equipe do Smart Taylor foi surpreendida ao chegar no escritório para mais um dia de trabalho. Ao acessarem sua carteira, se deram conta de que todos os seus fundos foram roubados. Precisamente, foram roubados 2578.98 ETH (aprox. 1,6 milhão de dólares) e grande parte dos tokens emitidos durante o ICO, denominados como TAY.

Em nota oficial, informaram que estão realizando uma investigação para encontrar o responsável pelo ataque. Tudo o que se sabe até agora é que foi a mesma pessoa/grupo que hackeou o CypheriumChain (mais de 17 mil ETH roubados). O hacker coletou a quantidade roubada de múltiplas fontes em um único endereço, então transferiu para uma carteira maior.

Veja mais detalhes na matéria sobre o caso.

Atualização sobre o caso Smart Taylor

Coinbase adquire exchange descentralizada ParadexIO

Fonte:mundoconectado.com.br

Coinbase, uma das principais corretoras norte-americanas, anunciou esta semana a compra do projeto da Paradex, que consiste numa plataforma descentralizada para compra de tokens ERC-20, ou seja, tokens da rede Ethereum.

Essa compra mostra uma tendência no mercado mundial de exchanges, grandes corretoras como a Binnance estão investindo em plataformas descentralizadas. Além de maior transparência, esse tipo corretora é mais segura e integrada ao blockchain.

Veja mais detalhes dessa aquisição no site da CNBC.

Banco Central chileno considera regular criptomoedas

 

Há menos de 1 mês os bancos chilenos estavam impedindo a atuação das corretoras de Bitcoin e criptomoedas, algo também comum no Brasil.

Dessa vez a Câmara dos Deputados do chilena fez uma conferência, cujo presidente do Banco Central do Chile indicou o desenvolvimento do aparato legislatório, apesar do receio de que tal regulamentação possa gerar um falso senso de segurança.

Vale lembrar que a corretora Buda processou os bancos que cancelaram sua conta e ganhou na justiça. Se o Chile quiser liderar o mundo das criptomoedas na América Latina, deverá proteger as fintechs contra os oligopólios bancários.

Mais detalhes no site Bitcoin.com.

MIT faz avanços na Lightning Network

Pela primeira vez a Lightning Network ( camada escalável do bitcoin que permitirá milhares de pagamentos por segundo) registrou transações mais complexas em sua rede.

O grupo de estudos sobre criptomoedas do MIT, DCI (termo em inglês para “Iniciativa Moeda Digital”), criou smart contracts usando a rede escalável do Bitcoin. No caso eles utilizaram oracles (fontes confiáveis de informação) para atualizar a cotação do bitcoin.

Por exemplo, se Bob decide pagar para Alice 10 dólares, qual seja o preço em Satoshis (unidades de bitcoin) dentro de 3 dias, o pagamento será feito de acordo com a cotação passada pelo Oracle.

Fim do Ethereum? MIT testa Smart Contracts no Bitcoin

Thomas Lee lança nova previsão de $25k para o bitcoin em 2018

Thomas Lee, co-fundador do Fundstrat Global, empresa americana de equities research, fez mais uma previsão para a cotação do bitcoin no fim de 2018. Segundo ele, até o fim do ano a criptomoeda valerá $25 mil dólares.

Não é 42 como muitos aqui esperavam.

Veja mais sobre a predição do Tom Lee no CryptoGlobe.

IBM planeja contratar 1.800 pessoas na França para trabalhar com blockchain e IA (inteligência artificial)

A CEO da IBM, Virginia Rometty deu uma entrevista ao jornal francês Le Monde e anunciou novos investimentos na França. A companhia pretende contratar 1.800 novas pessoas nos próximos anos,  e tem como meta juntar um time de research focado em projetos que envolvam blockchain, inteligência articial e IoT (internet das coisas).

Veja mais sobre a notícia no site da Techcrunch.

Neto Guaraci
Neto Guaraci

Sou estudante de Gestão de Negócios e Inovação na Fatec-Sebrae. Trabalho na Foxbit, ajudo na criação de conteúdo. Amo falar sobre criptomoedas, liberdade financeira e empreendedorismo. Se você também gosta, entre em contato. :)

O Cointimes utiliza cookies com o objetivo de melhorar sua experiência em nossa página web e adaptar o conteúdo para torná-lo mais útil e acessível. Para mais informações, consulte a nossa política de cookies.