Cointimes
Coluna

Winter is coming: O que é o inverno cripto e como se proteger

Inverno Cripto

O inverno cripto é a época mais fria de um ciclo do mercado de criptomoedas. No momento em que os criptoativos encontram o seu topo e iniciam um período de correção, diz-se que começou o “inverno cripto”.

Todo mercado é feito de ciclos

Nenhuma euforia dura para sempre, até porque sabemos que existem momentos de exagero. Geralmente, as pessoas tendem a superestimar o potencial de uma tecnologia no curto prazo enquanto subestimam o seu potencial de longo prazo. 

Em um mercado completamente novo, como é o de cripto, a precificação é ainda mais difícil e as distorções são comuns.

As criptomoedas são conhecidas como ativos extremamente voláteis, e é verdade, os altos lucros vem com grandes riscos. Mas os 5 estágios de um ciclo estão presentes em todos os tipos de mercado: euforia, depressão, esperança, otimismo e crença.

Por causa do halving do Bitcoin, porém, esse ciclo se torna mais evidente no mercado cripto. A cada quatro anos, a emissão de BTC cai pela metade e a percepção de escassez influencia os investidores.

O bitcoin não tem um grande histórico igual ao mercado acionário, então só temos os últimos 10 anos para analisar e tirar conclusões (e lições). Uma delas é o inverno cripto e como diziam os Starks, Winter is coming.

Quando encerra o ciclo de alta, impulsionado pelo halving, sempre vemos grandes quedas. 

Algumas pessoas querem realizar seus lucros, querem sair do mercado, às vezes não acreditam na tecnologia para o longo prazo… qualquer motivo pode desencadear uma queda.

Com quedas bruscas, os traders mais otimistas que operam alavancados são liquidados e ajudam a puxar a cotação ainda mais para baixo. Até aí tudo bem, nada que não vemos em uma quarta-feira comum no mercado cripto.

O problema começa quando entramos na fase de “depressão”.

Quem estava investindo em 2018 sabe como é enfrentar um inverno cripto.

Como se proteger no inverno cripto?

Você pode tomar algumas decisões e isso vai depender do seu perfil.

Se você está focando no longo prazo, esse momento é para você fazer bons novos aportes. 

No meu caso, por exemplo, há uma parcela de bitcoin que eu não tiro da carteira por motivo nenhum, é 100% hold – e todo mês aporto ainda mais neste montante.

O que eu vou fazer no inverno com a minha carteira de hold? Absolutamente nada.

Por outro lado, uma pequena parte do meu patrimônio é usado para especular, então pode ser interessante sair de algumas posições, ficar em dólar por um tempo e depois recomprar os bons projetos novamente por preços melhores.

Qual dia certo de vender? Impossível saber. O ideal é montar uma estratégia de liquidação e sair aos poucos do mercado quando considerar que ele está esticado demais.

Posso trazer uma estratégia minha de saída de mercado em outro post.

Por fim, não trate esse conteúdo como uma previsão de baixa para o mercado de criptomoedas. 

A finalidade deste artigo é que você mantenha a tranquilidade e se prepare para montar suas próprias estratégias, sem agir no impulso quando for pego desprevenido por um mercado em baixa.

Ninguém consegue prever com precisão a chegada do inverno, nem mesmo Edward Stark de Game of Thrones

Sempre invista com cautela.

Leia mais:

A NovaDAX está completando três anos!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil completa três anos no mês de novembro e quem ganha é você! 

Serão até 30 moedas com taxa zero para transações e mais de 80 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.

Sair da versão mobile