A narrativa da bolha de Bitcoin

Nos últimos seis meses o que mais se viu na mídia foi o assunto: “A bolha do Bitcoin“. São inúmeros avisos de especialistas e economistas famosos para engrossar e dar credibilidade a narrativa que desejam construir. Realmente, a cotação do Bitcoin valorizou além do normal e veio uma correção saudável e necessária, como em qualquer ativo.

No entanto, sempre foi dito por investidores mais experientes: “Só compre o que está disposto a perder, porque o Bitcoin é uma aposta de alto risco“. Quem seguiu à risca este conselho, certamente não deve estar preocupado neste momento. Entretanto, aos que compraram na alta, é preciso paciência para recuperar seus investimentos no longo prazo.

O meu ponto principal é: O Bitcoin não nasceu nos frenéticos corredores de Wall Street. Muitos nerds e anarquistas revoltados com o sistema financeiro ficaram ricos da noite para o dia. Isso causa uma certa inveja, porque as criptomoedas pelo menos uma vez mudaram o lado na distribuição de renda. Os governos, os grandes corporativistas e os megainvestidores que perderam essa chance não deixariam barato.

https://cointimes.com.br/bitcoin-e-bolha-entenda-por-que-nao/

Correção natural não é bolha

Nenhum ativo é capaz de seguir subindo constantemente por muito tempo. Porque existem as correções, que são necessárias para restabelecer um equilíbrio saudável na tentativa de encontrar o preço do correto e sensato. O Bitcoin estava insustentável a 19 mil dólares, no entanto, a 6100 dólares sua tecnologia funciona de forma excelente.

Após o frenesi, que escancarou o despreparo do ecossistema do Bitcoin como um todo, cada vez mais soluções estão sendo desenvolvidas. As soluções são as mais variadas: carteiras, sites e aplicativos mais amigáveis, educação e o principal, escalabilidade. Certamente no próximo ciclo de alta, o Bitcoin estará mais preparado para o crescimento da demanda.

Diante dos acontecimentos ano passado, é plausível pensar que tecnologia do Bitcoin está seguindo o caminho do Ciclo de Gartner. Este ciclo funciona de forma simples: uma tecnologia é criada e ganha atenção da mídia. Investidores e curiosos “compram” a tecnologia rapidamente.

Depois de ver que a tecnologia não funciona bem, há o período da desilusão. Depois de encarar estes períodos, a tecnologia segue seu desenvolvimento até alcançar uma melhor produtividade. Neste momento, o Bitcoin provavelmente está passando pelo “Slope of Enlightenment”, ou seja, os empreendedores e desenvolvedores finalmente entendem como retirar o melhor da tecnologia.

Gráfico demonstrando o ciclo de gardner. Conceito utilizado para interpretar a bolha de bitcoin
Ciclo de Gartner – Fonte: Wikipedia

Um silêncio escandaloso

É realmente curioso o silêncio dos meios de comunicação antes do estouro da bolha imobiliária de 2008. Uma correção no preço do Bitcoin causa um estrago a curto prazo, que pode ser revertido rapidamente. Por outro lado, uma bolha imobiliária criada por um sistema financeiro articulado por grandes bancos centrais, traz consequências gravíssimas.

Apesar de inúmeros avisos e indicativos de bolha na economia americana ainda em 2006, grande parte da mídia preferiu dar atenção a economistas de credibilidade para acalmar os investidores. Naquele momento, quase nenhum megainvestidor estava preocupado com a saúde do sistema financeiro. Pelo contrário, o que diziam era para comprar mais.

O papel da mídia é ser um canal informativo, uma vez que as pessoas estão dotadas de boas informações, elas podem decidir a melhor opção para seus invetimentos. No entanto, é uma grande irresponsabilidade com a sociedade quando o que deveria informar, vira um meio de desinformação.

https://cointimes.com.br/extra-bandidos-usam-bitcoin-para-roubar-manchetes/

Milhões de norte-americanos tomados pelo frenesi imobiliário perderam suas casas. A economia mundial e o sistema financeiro entraram em colapso, o desemprego cresceu de forma acelerada e de repente toda aquela falsa riqueza desapareceu, deixando o mundo em uma recessão vista somente na crise de 29.

Novamente, onde estavam os avisos da bolha imobiliária? Por que não houve a mesma preocupação que há com o Bitcoin atualmente? Onde estavam os grandes especialistas que hoje regem a narrativa de que criptomoedas são uma bolha? Parece que a bolha só é boa quando é causada pelo próprio sistema financeiro.

O pino da bolha

O Bitcoin surge justamente quando o sistema financeiro estava no fundo absimo. No entanto, o colapso de 2008 não foi arquitetado de uma hora para outra, foram décadas de poder ilimitado aos bancos centrais e privados na criação de dinheiro sem lastro, na alavancagem de patrimônio e crédito sem critério.

Por outro lado, a criação de Satoshi representa exatamente o oposto do sistema atual. Um dinheiro descentralizado, legitimamente escasso e lastreado pelas leis da matemática. Não seria um exagero dizer que se o Bitcoin tivesse sido inventado nos anos 90, a crise de 2008 jamais teria ocorrido.

Em nosso podcast explicamos a história do dinheiro e como ele se desenvolveu até como conhecemos atualmente.

Gostou do conteúdo? Não esqueça de compartilhar com seus amigos nas redes sociais. Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades deste mercado.