Passfolio

No dia 18 de janeiro de 2014, o usuário silveraz fez uma pergunta inusitada no maior fórum de Bitcoin do mundo, o bitcointalk.org. “Achado não é roubado?” Entenda o que aconteceu.

Assista o vídeo original no youtube.

Achado não é roubado – Finders Keepers?

O usuário silveraz fez a seguinte pergunta no bitcointalk.org – o fórum de Bitcoin mais famoso do mundo: “Finders Keepers, losers weepers” – Que seria o nosso equivalente para “achado não é roubado”.

“Eu estava brincando com brain wallets e verificando os endereços com blockchain. Encontrei uma carteira com saldo de 50 BTC! As moedas foram colocadas na carteira em 2011 e não houve nenhuma atividade desde então.”

Publicação original em inglês:
I was playing around with the brain wallet and checking the addresses with blockchain. I found a wallet with a balance of 50 BTC! The coins were put in the wallet in 2011 and there hasn't been any activity since. I don't want to steal someones coins but if they are "lost" I don't want to have them just sitting there. It's a lot of money!  I was thinking of sending a small amount into the wallet with a message letting the person know the situation. If nothing happens after a while I guess it's "Finders Keepers, Losers Weepers." What's the right thing to do in this situation?
Fonte: bitcointalk.org

“Eu não quero roubar moedas de alguém, mas se eles estão “perdidos”, eu não quero tê-los apenas sentados lá. É muito dinheiro! Eu estava pensando em enviar uma pequena quantia para a carteira com uma mensagem informando a pessoa sobre a situação. Se nada acontecer depois de um tempo, acho que é “Finders Keepers, Losers Weepers”. Qual é a coisa certa a fazer nesta situação?”

Brain Wallets

As Brain Wallets são carteiras de bitcoin criadas a partir de chaves personalizadas de fácil memorização, onde o usuário cria sua própria frase “secreta” – que na verdade é uma reinterpretação da chave privada criptografada – utilizando coisas como letras de músicas, etc.

Passfolio

O problema de usar este mecanismo para gerar uma chave privada, é que muitos “hackers” estão escaneando a rede do Bitcoin, utilizando diversas combinações prováveis de frases conhecidas (como letras de músicas), exatamente para “quebrar” a criptografia de endereços que foram “desleixados” com a segurança, encontrando carteiras como esta.

Quer saber mais sobre como silveiraz encontrou os 50 BTCs, como se proteger, criando uma chave privada segura e qual a probabilidade de alguém encontrar a sua carteira se tudo for feito da maneira correta?

Assista este vídeo em nosso canal do youtube, onde o editor chefe do Cointimes, Neto Guaraci, explica melhor sobre o caso:

Leia mais:

Passfolio