A indústria dos videogames não para de crescer: já passando a valer mais que a indústria da música e do cinema juntos, se desenvolve cada vez mais em novas tecnologias e gêneros mais diversificados, que abrangem ainda mais gostos diferentes.

Jogos como Grand Theft Auto V (GTA V), por exemplo, comprovam que mesmo empresas como a Rockstar são capazes de bater recordes: o jogo é o produto de entretenimento mais rentável da história das três indústrias, duas vezes mais que Vingadores: Ultimato (veja a seção da Take-Two).

Agora, com a pandemia, seria o tempo perfeito para aperfeiçoar e lançar novos produtos digitais ao público, visto que muitos viveram meses dentro de casa graças a quarentena. Nesta matéria, revisaremos a performance de algumas das maiores empresas da indústria que possuem capital aberto, e o que fizeram nos últimos 5 anos.

Veja também: Damares acredita que Bitcoin facilita o trabalho infantil de gamers

Desempenho das principais empresas

Enquanto observamos os anúncios da Microsoft e Sony se preparando para a nova geração da indústria, com o anúncio de seus consoles Xbox Series X e o PlayStation 5. Ontem mesmo, dia 11 de junho, a Sony fez uma livestream mostrando sua linha de primeiros jogos no console.

Infelizmente, tanto o Xbox Game Studios quando a Sony Interactive Entertainment são de capital privado; ou seja, a única participação direta que teremos nas suas ações é consumindo seus produtos ou indiretamente pelas ações de ambas as companhias.

Enquanto isso, temos outras empresas como a Nintendo, Electronic Arts (EA), Capcom, Take-Two, Activision-Blizzard, Ubisoft que iremos analisar agora.

Nintendo (NTDOY

A Nintendo continua trazendo jogos ao seu console de última geração, o Switch, que são em sua maioria portes de outros consoles (como foi The Witcher 3). Recentemente, foi anunciado que o battle royale Spellbreak seria lançado ao console.

Além disso, várias imagens foram reveladas do Super Nintendo World, um parque temático no Japão similar à Disney ou Universal, mas tematizada com personagens da franquia do encanador Mario. Algumas fotos são tão impressionantes que parecem falsas.

Valor de ações da Nintendo
Fonte: TradingView

No mercado de ações dos EUA, a Nintendo se mostra com relativa estabilidade desde o crash generalizado de março, que marcou o início da pandemia. A sua situação de vendas pode melhorar com a recente promoção na loja virtual de jogos eShop, com descontos de até 70%, até o dia 18.

De Janeiro a Junho de 2020, as ações subiram ~9,8%

Electronic Arts (EA)

A EA já passou por vários maus bocados na década: por exemplo, perdeu em um trimeste quase 45% do valor de ações por diversas controvérsias incluindo Star Wars: Battlefront II, Mass Effect: Andromeda e Battlefield V.

Problemas que variam de monetização dentro dos jogos, até a qualidade geral dos produtos, que sairiam incompletos ou com qualidade muito inferior à expectativas. Mesmo assim, a empresa se manteve em um crescimento estável desde a sua queda massiva ao fim de 2018.

Valor de ações da Electronic Arts
Fonte: TradingView

Não podemos esquecer do enorme apoio publicitário e financeiro que a empresa tem em sua parceria com a franquia FIFA, pela subsidiária EA Sports.

Campeonatos presenciais da FIFA eWorld Cup 2020 e da FIFA eNations Cup 2020 seriam cancelados, substituídos pelo FIFA 20 Summer Cup Series, exclusivamente online. 

As premiações de milhões de dólares seriam redistribuídas dentre os jogadores profissionais dos cenários competitivos.

Além disso, sua franquia de corridas Need for Speed anunciou nesta segunda-feira (08) que um novo título estaria em produção pela Criterion Games.

E, por fim, os jogos da distribuidora no PC passaram a ser publicados em uma loja concorrente da sua Origin, a Steam, considerada a maior loja de jogos virtuais para computador.

A adoção da nova plataforma, mesmo que garantindo menos controle sobre a venda e propaganda de seus títulos, pode oferecer muito mais recursos para os usuários, como troféus e comunicação entre jogadores; tudo isso pode aumentar drasticamente a venda dos jogos.

EA entra pra Steam
Dentre os lançamentos na Steam, tem-se Battlefield, Star Wars, Mass Effect, Command & Conquer, Need for Speed e Dragon Age.

De Janeiro a Junho de 2020, as ações subiram ~13,7%

Capcom (CCOEY)

A japonesa Capcom é uma que teve performance impressionante nos últimos três anos. Tendo um início de década coberta de fortes reclamações, suas iterações de DmC: Devil May Cry, Resident Evil 6 e Street Fighter V foram todas recebidas com duras críticas. Isso independentemente dos altos custos de produção, especialmente de RE6.

Porém, com o lançamento do SFV Arcade Edition, e estrelando seu novo motor gráfico RE Engine com Resident Evil 7, além de relançar a trilogia Devil May Cry (PS2) aos consoles da atual geração (PS4, XOne, PC, Switch), a Capcom foi capaz de satisfazer seu público alvo novamente.

Agora, a RE Engine também serviu como base da infraestrutura de Devil May Cry V, Resident Evil 2 Remake e RE3 Remake, recebidos com avaliações majoritariamente positivas e vendas “que superaram muito as expectativas” da empresa.

Valor de ações da Capcom
Fonte: TradingView

Com a performance excepcional de DMCV e da franquia Resident Evil, e com o anúncio do Resident Evil VILLAGE (RE8), além da boa performance de sua franquia online Monster Hunter: World e sua expansão Iceborne, é de se esperar que a empresa continue em uma subida estável e forte na transição de gerações de consoles, que ocorrerá no final do ano.

De Janeiro a Junho de 2020, as ações subiram ~31,15%

Take-Two (TTWO)

Take-Two Interactive é empresa-mãe da 2K Games, NBA 2K League e Rockstar, a produtora de Grand Theft Auto (GTA) e Red Dead Redemption.

A subsidiária Rockstar, responsável pela extremamente popular franquia Grand Theft Auto, também foi a produtora de GTA V, considerado o produto de entretenimento mais rentável da história (de todas as indústrias), supostamente fazendo US$ 6 bilhões desde seu lançamento, em setembro de 2013, até 2018.

Para fins comparativos, Vingadores: Ultimato arrecadou aproximadamente US$ 2.8 bilhões, menos da metade de GTA V, que ainda fica em primeiro lugar de vendas em muitas lojas de consoles e na Steam.

O jogo, por sua vez, continua firme e forte, com o GTA Online cheio de jogadores e sendo recentemente distribuído de graça para todos os jogadores no PC pela loja da Epic Games Store.

Além disso, as vendas e notas de análises de Red Dead Redemption 2, de outubro de 2018, também foram cruciais para a valorização da empresa, recebendo uma média de 97% no Metacritic.

Por fim, Borderlands 3 foi outro jogo de grande sucesso, produzido pela subsidiária Gearbox e vendendo cerca de 8 milhões de cópias até o início deste ano, segundo relatório publicado pela Take-Two. Mesmo assim, o ano foi considerado “fraco” após o estrondoso sucesso de Red Dead Redemption 2.

Valor de ações da Take-Two
Fonte: TradingView

De Janeiro a Junho de 2020, as ações subiram ~9,56%

Activision-Blizzard (ATVI)

A Activision é reconhecida, atualmente, pela imortal franquia de jogos de tiro Call of Duty. Atualmente na iteração de Modern Warfare 2019, é o primeiro da franquia em muitos anos a durar mais de 10 meses sem ser substituído por outro jogo, como ocorreu com os últimos jogos da franquia desta década (BO4, WWII, IW, BOIII, AW, etc.).

Sendo mantido com uma campanha remasterizada dos clássicos Modern Warfare 1 e 2, além do modo battle royale gratuito Warzone, MW 2019 se mantém estável em vendas de cópias e de seu Passe de Batalha dentro do jogo.

Vazamentos sugerem, ainda por cima, que teremos novos trailers de um CoD que poderá ser lançado no ano que vem; porém, nada foi confirmado até o momento.


Além disso, a sua subsidiária Blizzard, responsável por World of Warcraft, StarCraft, Diablo, HearthStone e outros, não anda na melhor performance em termos de opinião pública.

Na BlizzCon 2018, sua conferência anual, foi revelado a nova versão de Diablo que muitos especulavam por meses: Diablo Immortal. Porém, diferente do “Diablo IV” que todos esperavam, era apenas um jogo de celulares com qualidade abaixo da média e um design fraco, envolvido de microtransações.

A revelação foi recebida com vaias e críticas, inclusive no Q&A do próprio evento, transmitido ao vivo, que virou um grande meme.

“Por acaso essa foi uma piada de 1º de abril fora do tempo?” (Aplausos do público)

“Vocês têm planos de lançar isso para PC, consoles..?” “Não, o jogo será exclusivo de Android e iOS, de início… (Pessoas vaiando) Vocês não têm celular, por acaso?”

Além destes destaques, o evento foi cheio de problemas técnicos diversos, tornando-o icônico nas redes sociais por muitos motivos ruins.

Highlight do momento ao vivo

Outro jogo muito popular, o game de tiro em equipes Overwatch, andou sendo fortemente criticado pela falta de atualizações e a grande falta de comunicação da desenvolvedora com as opiniões da comunidade.

Para “amenizar a situação”, na BlizzCon 2019, anunciaram Overwatch 2, que novamente foi fortemente criticado na internet por ser uma ideia “preguiçosa e sem inovações”.

Valor de ações da Activision-Blizzard
Fonte: TradingView

Como podemos ver, as críticas a Diablo e Overwatch foram tão grandes que, ao final de 2018, as ações da empresa derreteram de US$ 83 a quase US$ 40.

De Janeiro a Junho de 2020, as ações subiram ~22,42%

Ubisoft (UBSFY)

A francesa Ubisoft andou passando por anos turbulentos nesse final de década. Com o lançamento de Far Cry 5 e The Division 2, bem-sucedidos nas vendas mas também com recepções mistas, a Ubisoft se viu em uma posição delicada nos últimos dois anos.

O aguardado anúncio de Assassin’s Creed Valhalla também foi relativamente divisivo: saindo tanto para a geração atual, quando a próxima, foi criticado por “exagerar e praticamente descartar tudo que faz um Assassin’s Creed”.

The Division 2 foi criticado por faltar conteúdo, algo que aparenta ter sido resolvido com atualizações constantes. Ghost Recon: Breakpoint, de novembro de 2019, foi extremamente criticado pela falta de polimento e péssimas mecânicas implementadas.

Além disso, temos Rainbow Six: Siege, que está passando por uma troca de direção de equipe. O FPS multiplayer, considerado um dos jogos online com melhor suporte, já está em seu quinto ano de vida, e agora passa por problemas: infestação de hackers em seus servidores, e decisões de balanceamento de personagens fortemente criticadas.

Ademais, o cenário competitivo da Pro League de Rainbow Six foi desmanchada em pleno torneio por conflitos internos. A Ubisoft decidiu, após o início da quarentena, de que não utilizaria mais empresas de terceiros para organizar os eventos (como era com a ESL), e algumas equipes não aceitaram os novos termos, ficando presos em seus hotéis.

Dentre estas equipes, algumas das mais famosas como a Reciprocity, Evil Geniuses e Luminosity Gaming saíram em meio às competições por conta dos conflitos.

Além de ótimos jogadores, estes times estavam no cenário há muito tempo.

Por fim, ainda não há data de lançamento para o spin-off apocalíptico Rainbow Six: Quarantine e para o jogo de hackativismo e RPG de mundo aberto Watch Dogs Legion.

Valor de ações da Ubisoft
Fonte: TradingView

De Janeiro a Junho de 2020, as ações subiram ~8,49%

Quarentena e oportunidades de crescimento

Não há dúvida de que a indústria dos games participa de um fértil solo para o desenvolvimento de novas tecnologias e de uma economia interna próspera. 

Porém, muitas grandes empresas ainda se veem presas a erros amadores, e muitas outras ainda exploram terrenos desconhecidos (como a Valve faz com Realidade Virtual, em Half-Life: Alyx), e outras se veem presas ao legado de suas franquias, como Resident Evil e Assassin’s Creed sendo criticados por mudanças nos novos jogos.

Mesmo assim, a indústria continua arrecadando quantidades massivas e aparentemente infinitas de investidores e consumidores, não só se tornando cada vez mais apelativas e atrativas ao público casual, como também trazendo inovações como as tecnologias de Ray Tracing, trazidas pela fabricante de GPUs Nvidia.

Mas e o Bitcoin? (BTCUSD)

Para fins comparativos, o Bitcoin começou o ano em torno de US$ 7.180, e está atualmente a US$ 9.470, um crescimento de aproximadamente 31.89%.

Ou seja, se você quisesse ter resultados similares investindo em uma empresa de videogames (o que é completamente diferente de investir em uma criptomoeda), a sua melhor aposta seria a Capcom, com 31,15% de crescimento.