Após superar uma resistência localizada na faixa de preço entre US$ 9400 e US$ 9600, o preço do Bitcoin está cotado na maior alta do ano, a aproximadamente US$ 9860. No momento, o preço está localizado sobre uma outra resistência muito importante, na região dos US$ 9900.

Caso o preço consiga superar essa região, ele naturalmente irá para US$ 10.000, o que começará um novo ciclo de FOMO (Fear of Missing Out), começando uma nova corrida de preços para investidores novatos que sempre entram nessa fase do ciclo.

Esses ciclos de FOMO sempre se iniciam com a entrada de dinheiro novo, levando criptomoedas a valorizações extremamente rápidas em poucos dias ou semanas. Aconteceu em 2017 e tudo indica que está perto de acontecer nesse ano.

Investidores com pouco conhecimento entram no mercado com medo de perder a oportunidade de ganhar muito dinheiro. Esse é um cenário favorável para quem já entrou no mercado, mas muito perigoso para quem está iniciando.

No momento, existe um grande risco de entrar comprado no mercado, porque muitos investidores podem antecipar o evento e já fazer a realização de lucro, espera-se muita volatilidade e uma intensa briga entre compradores e vendedores nessa região.

Enquanto a economia internacional se deteriora, ativos como Bitcoin e Ouro ganham valorização. Donald Trump prometeu atacar o Irã depois que o governo iraniano derrubou um drone americano, a guerra comercial com a China também segue sem previsão de acordo.

No entanto, o Banco Central Americano acenou com um novo corte de juros, notícia que foi extremamente bem recebida pelo mercado financeiro, especialmente no Brasil, que fez o Ibovespa voltar aos 100 mil pontos.

QUER RECEBER ARTIGOS E NOTÍCIAS COMO ESSA DIARIAMENTE NO SEU E-MAIL?

INSCREVA-SE ABAIXO!

Prometemos não mandar spam, só conteúdo bom.