O CEO da Ripple, Brad Garlinghouse, está se opondo à líder de mercado Swift, a rede internacional de pagamentos com mais de 11.000 bancos e instituições financeiras, e destacando o XRP como uma melhoria em relação ao Bitcoin.

Recomendações de notícia:
+ + Binance vai aceitar WeChat e Alibaba para OTC de bitcoin na China
++ O que é Bitcoin?

“Bancos não gostam da Swift” diz CEO da Ripple

Enquanto a Swift está se esforçando para melhorar os tempos de liquidação e a acessibilidade ao seu sistema global de mensagens, o que facilita as transações bancárias e os pagamentos transfronteiriços, Garlinghouse diz que os bancos não gostam da Swift.

Falando na terça-feira em Manhattan no The Economic Club de Nova York, Garlinghouse diz que o Ripple, que está ampliando sua rede de 200 bancos e instituições financeiras, está resolvendo um problema real em escala.

Você tem uma média de 20 trilhões de dólares atravessando fronteiras todo ano. E além de lento e caro, o sistema é repleto de erros.

Para mim, é o clássico Vale do Silício enfrentando o grande gigante Golias. Mas Golias está muito quebrado. Quando falo com bancos, é uma coisa bonita para mim, porque os bancos não gostam do Swift. Eles estão frustrados com Swift. Nem seus clientes gostam da Swift. É um ótimo lugar para se estar vendendo…


Invista seu dinheiro para realizar seus maiores sonhos, quer saber como investir em Bitcoin? Do zero ao limite, aprenda agora, é de graça!


Para uma audiência de iniciantes, Garlinghouse também detalha a essência do XRP quando perguntado: O que é?

“Os engenheiros que desenvolveram a Ledger XRP foram antigos engenheiros do Bitcoin que viram que haveria um problema de escalabilidade ao longo do tempo…

A ideia é que quando você tem mineração, as transações ficam mais lentas e caras. Existe uma maneira melhor de fazer isso. E eles desenvolveram algo – não vou entrar na parte técnica – chamado algoritmo de consenso. Mas basicamente a ideia é que você não precisa ter mineração para verificar uma transação, como o Bitcoin precisa.

Este grupo de engenheiros desenvolveu a tecnologia XRP. É uma tecnologia de código aberto. A Ripple possui muitos XRP. Nós possuímos cerca de 55% de todos os XRP. Claramente, estamos muito interessados na saúde e no sucesso desse ecossistema, mas é uma tecnologia de código aberto que a Ripple usa em sua pilha técnica.”

XRP como solução para os bancos

Brad Garlinghouse acredita que o valor das criptomoedas dependem da sua utilidade no mundo real. Ele adiciona:

“A Ripple está usando o XRP para resolver um problema bancário. Faço a piada de que, se você e eu decidíssemos fazer uma corrida para ver quem conseguiria levar US$ 10.000 para Londres mais rápido, eu venceria se apenas dirigisse até JFK e voasse para lá. Essa é a maneira mais rápida de movimentar dinheiro, que em 2019, no mundo da Internet, é um dado bastante surpreendente.

Estamos usando o XRP para ajudar os bancos, para ajudar instituições financeiras regulamentadas a facilitar transações internacionais. Existem outras empresas no mundo do XRP fazendo outras coisas, desde micropagamentos a gerenciamento de identidades, pois é uma tecnologia de código aberto. Mas o Ripple está muito focado em usá-lo para pagamentos”.

Fonte: dailyhodl.