Um dos principais freios para as pessoas começarem a investir é o medo. Sentir medo é perfeitamente normal, mas quando te impede de sair da zona de conforto, esse medo pode estar adiando sua independência financeira.

Entendendo o medo

Primeiro se tem medo do que não entende, e esse medo é justificado, mas deve servir apenas como guia para começar a pesquisar e aprender. Seguir a regra de nunca investir no que não entende é o básico pra não perder dinheiro.

E em segundo lugar temos justamente o medo de perder dinheiro. Muitos justificam não investir nada porque ouviu que fulaninho perdeu tudo investindo na bolsa.

Porém, em vez de descartar de vez os investimentos, poderia ser melhor aprender com os outros, e pensar onde erraram. Fulaninho se afundou na ganância caindo em pirâmides? Foi levado pelo medo de perder o bonde andando (FOMO) e acabou comprando uma empresa na alta, e logo depois da baixa vendeu com medo de perder tudo? O medo pode tanto te fazer não investir, como pode te fazer perder investindo.

Saiba como superar

Investir se trata de ao invés de gastar hoje, guardar para aplicar e acumular mais amanhã. Portanto investir possibilita e acelera seu acúmulo de patrimônio.

Então você deve avaliar se não vale o risco de perder um pouco, pra possibilidade de mudar de vida investindo. Pense, se você gasta 50 reais para comprar um pouco de bitcoin hoje, o máximo que você pode perder é 50 reais, se em um cenário extremamente improvável a cotação do bitcoin cair pra zero. Mas até onde esses 50 reais podem chegar em um cenário otimista? Não tem bem um limite!

Encare logo de uma vez!

Se você gasta, por exemplo, 100 reais em um dia saindo pra beber, no outro dia você tem uma ressaca e 100 reais a menos, mas nada de realmente valioso se tira disso. Se você sacrifica um dia de lazer por mês, você já tem dinheiro pra começar a investir!

Pode acontecer de você investir em um negócio que acabe não dando certo. Mas isso é normal, pra aprender a andar de bicicleta se cai algumas vezes. O erro é necessário para o aprendizado. E quando se trata de investimentos, você acaba transformando aprendizado em dinheiro.