Passfolio

Conheça Mafagafo (MAFA), o novo jogo NFT no formato P2E – Play to Earn (jogue para ganhar), baseado no jogo Fall Guys e desenvolvido por uma equipe brasileira, apesar de todo o jogo, economia e documentação estarem em inglês, para alcance global.

Fizemos uma investigação no whitepaper do game que vamos compartilhar com vocês nessa matéria, além de uma polêmica que ocorreu dia 07 de dezembro, na abertura das vendas públicas (public sale) do token.

Mafagafo, o que é?

Em seu whitepaper os desenvolvedores descrevem Mafagafo como:

“Um jogo NFT com perfil único e singular, que se destaca pela sua excepcionalidade. Destina-se a quem procura aliar diversão e rentabilidade ao mesmo tempo!”

Passfolio

Mafagafinhos, em um ninho de mafagafos

Ainda na descrição encontrada no whitepaper, Mafagafo é:

“Um jogo multiplayer online com o objetivo de agradar o público através da apresentação de diversos mapas, multiplicidade de itens, personagens exclusivos e um ecossistema acessível a qualquer jogador que busque não só diversão, mas também lucratividade.”

Jogo NFT Mafagafo

O nome dos personagens principais, que levam o nome do jogo, é baseado no trava línguas:

“Num ninho de mafagafos há sete mafagafinhos. Quando a mafagafa gafa, gafam os sete mafagafinhos. Quem os desmafagafizá-los, um bom desmafagafizador será.”

Mafagafos é uma espécie animal imaginária.

Como funciona o jogo Mafagafo

Em uma pequena ilha paradisíaca, encontram-se os mafagafos esguios, pássaros curiosos incapazes de voar, extremamente adaptáveis ​​e espertos. De vez em quando, eles constroem um grande ninho, onde será escolhido o grande Farejador do Pomo. Para essa escolha, é realizada uma competição, a fim de decidir quem é o melhor.

“A competição é, sem dúvida, parte da essência dessas aves. Pode manifestar-se na pesca, corrida ou outros desafios. O que os move é o desafio de ser sempre os melhores!”

Para cada rodada, o desafio é escolhido aleatoriamente entre os participantes.
Os mapas apresentam dificuldades, rotas e surpresas únicas que desafiam os jogadores a se adaptarem a novas situações.

No final da rodada, os 5 melhores jogadores, de 40, serão classificados. A colocação alcançada definirá a quantidade de Mafapoints (MP) que cada ganhador receberá.

Os tipos de pássaros que podem ser adquiridos mudam com a temporada e, consequentemente, no final de cada uma delas, os personagens obtidos tornam-se cada vez mais significativos, valorizando seus valores como NFTs colecionáveis.

Os jogadores poderão comprar um GamePass, que libera itens exclusivos conforme o player cresce no jogo.

Mafagafo também será possível de ser jogado no modo gratuito, com o único objetivo de se divertir, mas sem ganhos reais.

Economia – distribuição do token

A oferta total do token é de 1 bilhão de MAFAcoins, sendo:

30% para a pool de recompensas P2E;

21,4% para a pool de recompensa de staking;

7,6% entre IDO e public sale;

– E um total de 40% na mão dos devs, para a equipe (21%); e o restante para investidores, marketing, conselheiros, parcerias, etc.

Distribuição tokens Mafagafo

No whitepaper eles informam que a cada compra ou venda, 1% do suprimento será queimado, até chegar a um total de 500 milhões de $MAFA (50% da oferta total distribuída), que deve ser a oferta final em circulação.

O whitepaper não diz quais tokens serão queimados, mas fomos informados por um membro da equipe de que as queimas ocorrerão nas próprias transações.

O código passou por uma auditoria feita pela empresa Hacken, de segurança digital especializada em blockchains, cujos resultados parecem positivos.

Como pontos negativos, a auditoria apontou falta de emissão de eventos no código relacionados à Taxa de Liquidez; Taxa de Queima; Taxa de Queima da Equipe; Taxa de Venda da Equipe; e Taxa de Loteria.
 (liquidityFee, burnFee, teamBuyFee, teamSellFee, lotteryFee).

Além da necessidade de otimizar a cobrança de gas (taxas da rede).

No restante, apontaram o código e os contratos como muito seguros, com baixa vulnerabilidade.

O problema dos Mafagafos

A IDOInitial DEX Offering (oferta decentralizada inicial), foi realizada no dia 28 de novembro – domingo; e a abertura das vendas para o público em geral, dia 07 de dezembro – terça-feira.

De acordo com relatos de investidores e conforme acompanhei em grupos relacionados ao jogo, a promessa da equipe era de liberação dos tokens para venda no valor inicial de US$0,10, segundo fechamento do IDO.

Por suposto erro humano, o token foi lançado no valor de US$0,01 ao mercado e, em menos de 1 hora de sua abertura, alcançou valorização de 140% em US$0,024, quando as negociações foram congeladas, com a promessa da equipe de corrigir o equívoco.

Nós, do Cointimes, entramos em contato com a equipe do projeto e fomos informados de que o erro de digitação por parte de um dos programadores foi o que causou todo o problema, que desencadeou reações negativas nos canais de comunicação do jogo, apesar de outros investidores relatarem que compreendem o ocorrido e seguem otimistas com o lançamento.

A equipe então emitiu comunicados em todas as plataformas, inclusive em seu site oficial, explicando tudo, que foi exatamente a mesma explicação fornecida à nós em ligação direta com os responsáveis.

Eles entendem que seria injusto, com os investidores que participaram do IDO, ter o token lançado em valor 10x inferior ao prometido.

O contrato do token MAFA será “redeployado” na Binance Smart Chain (BSC).

O que significa que todos os tokens emitidos anteriormente serão invalidados, como se nunca houvessem existido, e novos tokens serão emitidos seguindo exatamente as mesmas regras do antecessor.

A equipe fará então uma lista com todos os compradores da IDO, e enviará exatamente a mesma quantidade de tokens para seus respectivos donos.

Todas as taxas de emissão do contrato, redistribuição dos tokens – conforme whitepaper e entrega dos tokens para os investidores iniciais serão cobertas pelos desenvolvedores.

Além disso, todos os BNBs gastos nas compras do dia 07 serão devolvidos para os antigos proprietários, como se as compras nunca houvessem ocorrido. As taxas aqui também serão de responsabilidade da equipe Mafagafo.

Apesar do jogo ter começado no mercado com “o pé esquerdo”, não vejo como os devs poderiam se beneficiar com essa polêmica. Pelo contrário. Aparentemente, eles só estão perdendo, com taxas e também com uma possível perda de credibilidade do mercado.

Os próximos dias serão decisivos para que possam demonstrar sua integridade e capacidade de resolver problemas, que são ingredientes essenciais para o sucesso do negócio.

Nós, da redação, estaremos de olho acompanhando tudo para contar para vocês.

Compartilhe conosco quais suas impressões iniciais do jogo, do problema e das decisões subsequentes da equipe! Deixe um comentário abaixo do artigo ou comente nas redes sociais Twitter, Facebook ou Telegram.

Leia mais:

SLP sobe 13% com aumento de 3 vezes no custo de criação dos novos Axies

BSC e Animoca Brands formam um fundo de US$ 200 milhões para projetos da GameFi

Jogo Cryptomines derrete 99,5%. Eternal deve ir a zero. Exit Scam?

Bitcoin luta para se manter em US$ 50 mil, Tezos sobe 30% após notícias da Ubisoft – Resumo de Mercado

Cointimes lança plataforma de educação

A NovaDAX está cheia de novidades!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil agora ZEROU as taxas para saque em real!

A NovaDAX também conta taxa zero para transações de Bitcoin e mais de 110 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.