Novas evidências vindas da Europa e dos Estados Unidos sugerem que pessoas jovens estão sofrendo seriamente com o coronavírus.

Diferentemente do que os primeiros dados da China mostravam, pessoas jovens (dos 20 aos 40 anos) sem outras condições médicas, estão ficando doentes e precisando de tratamento intensivo.

“Pode ser que a geração millennial, nossa maior geração, nossa geração futura que nos levará pelas próximas décadas,pode haver um número desproporcional de infecções nesse grupo”, Deborah Birx, coordenadora de resposta a coronavírus da Casa Branca , disse em entrevista coletiva na quarta-feira, citando relatórios.

Conforme dados da Itália, cerca de 1/4 de todos os casos ou cerca de 28 mil pacientes estão entre as idades de 19 e 50 anos.

Distribuição de casos na Itália | Fonte: Statista

Similarmente nos Estados Unidos, cerca de 705 dos primeiros 2500 casos eram de pessoas entre 20 e 40 anos. Desses, entre 15 e 20% pararam nos hospitais, 4% precisaram de cuidados intensivos e alguns morreram.

Coinext 760x150

 

Fonte: Bloomberg

Apesar dos dados mostrarem que a faixa etária dentre 20 e 40 anos também sofrem seriamente com o vírus, pacientes com idade acima de 85 anos têm taxas maiores de hospitalização, cuidado intensivo e mortes.

Em conferência de imprensa na Casa Branca nesta quarta-feira, o presidente Donald Trump implorou aos jovens que parassem com comportamentos imprudentes, como festas, ir à praia e sair em bares.

Ou seja, com esses novos dados, fica claro que o impacto econômico pode ser maior do que o imaginado.

Veja também: Bancos venezuelanos fecham e negociações de bitcoin intensificam


Invista em criptomoedas com segurança, alta liquidez e as menores taxas do mercado.

NovaDAX: a exchange mais completa do Brasil com mais de 25 criptomoedas listadas e a melhor nota de atendimento ao cliente.

Conheça novadax.com.br