A dívida bruta do Brasil chegou a R$6,153 trilhões ou 85,5% do PIB em maio, apesar do superavit primário de alguns governos estaduais e empresas estatais. Os economistas se preocupam com o problema que pode causar alta na taxa de juros e nos impostos.

No primeiro semestre, o déficit primário chegou a R$ ~402 bilhões, contra o resultado negativo de R$ 5,740 bilhões, no mesmo período de 2019. Esse déficit é o maior da série histórica.

Ao mesmo tempo em que a dívida sobe, a arrecadação cai para níveis recordes. A arrecadação dos estados caiu 6% no primeiro trimestre em comparação com 2019.

De acordo com o economista Richard Rytenband, é otimismo esperar por taxa de juros baixa por muito tempo sem um amento de carga tributária.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

E o economista complementa:

“A situação fiscal está se deteriorando desde 2010. Faça uma análise da estrutura das despesas obrigatórias e sua dinâmica. E acrescente as novas que querem tornar permanentes.”

Aumento da carga tributária:

O governo enviou recentemente uma proposta de reforma tributária que, em conjunto com a implementação da nova CPMF, tornaria o país com o Imposto Sobre Valor Agregado (IVA) mais caro do mundo, uma taxa de 32%, segundo Kelber Cabral – presidente do Sindifisco.

Em comparação, o IVA da Noruega, Dinamarca e Suécia não passam de 25%.

Outra opção, não descartada por Paulo Guedes, seria imprimir dinheiro

“Bom, economista não tem que ter dogma, é muito fácil fazer inversão de marcha. Se cairmos em uma armadilha de liquidez, em um cenário de inflação zero, o Banco Central pode sim emitir muita moeda e comprar dívida interna. Pode monetizar a dívida, sem gerar impacto inflacionário”, afirmou Guedes, em audiência pública da Comissão Mista do Congresso

Uma terceira medida, já descartada pelo Congresso mas que pode voltar a qualquer momento, é o confisco de dinheiro ou “empréstimo compulsório”. Explicamos como isso pode acontecer no post: “Governo brasileiro se prepara para confisco de dinheiro“.


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!