O Grande Investidor

A cidade de Miami deu mais um passo em direção a se tornar a cidade mais pró Bitcoin do mundo. A comissão da cidade aprovou hoje a resolução do prefeito Francis Soares que permite que os funcionários públicos e impostos sejam pagos na criptomoeda. Além disso, a cidade também poderá alocar parte das suas reservas em BTC.

Francis publicou um vídeo em seu Twitter em agradecimento à comissão da cidade pela aprovação da resolução.

É maravilhoso ser uma cidade muito avançada nas criptomoedas, a cidade de Miami, e quero agradecer aos meus colegas da comissão por permitir que isso acontecesse.

O incentivo do cripto-prefeito faz parte da estratégia da cidade de torná-la um local atrativo para investidores e empresas de tecnologia, especialmente com o recente êxodo de empresas do estado da Califórnia.

O texto do prefeito não foi aprovado na íntegra, com questões regulatórias referentes ao estado da Flórida a serem discutidas.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

Veremos isso no Brasil?

Em 2018, o ex-prefeito do Rio de Janeiro e ex-pastor Marcelo Crivella, preso em dezembro acusado por corrupção, publicou um amplo estudo sobre como implementar o uso de criptomoedas na cidade, segundo o Estadão.

Historicamente, o poder no mundo sempre se concentra em três fatores básicos: armas, moeda e ideias, disse Crivella em justificativa para o estudo. A ideia, no entanto, nunca chegou a ser implementada. 

Até então, nenhuma ideia semelhante veio a público. Qual político ou prefeitura teria interesse em aplicar tais medidas? 

Vale lembrar que o poder regulatório brasileiro é consideravelmente mais centralizado que o dos Estados Unidos. Enquanto estados e condados nos EUA possuem uma autonomia considerável sob sua legislação, os estados e municípios brasileiros ainda são muito dependentes das autarquias federais. 

O jargão da equipe econômica escolhida por Bolsonaro: “Mais Brasil e menos Brasília”, incentiva  a descentralização de poder e recursos, mas até agora não foi implementado e é outra promessa vazia de Paulo Guedes.   

Pretendo partilhar o poder, de forma progressiva, responsável e consciente, de Brasília para o Brasil. Do poder central para estados e municípios. Afirmou Bolsonaro em seu discurso de posse.

Veremos tais medidas sendo implementadas nos próximos anos? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Leia mais: Jay Z investiu mais na segurança do Bitcoin que o Banco Central no PIX


 

BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!