O mercado de mineração de criptomoedas não para de crescer apesar do banimento chinês às atividades. A Genesis Digital, uma das maiores empresas de mineração de bitcoin do mundo, anunciou a captação de US$125 milhões para uma expansão agressiva. 

A empresa fundada em 2013 já colocou mais de 300 mil mineradores online e minerou mais de US$1 bilhão em bitcoin. Atualmente ela detém 2,6% do hashrate do btc no mundo, mas com o investimento milionário a empresa quer dobrar o poder computacional até 2023 e pretende ter a capacidade de 1 gigawatt. 

Consumindo mais energia que o Brasil gerava em solar

Para colocar em perspectiva, 1 gigawatt é equivalente à geração energética de 110 milhões de LEDs e 3 milhões de painéis fotovoltaicos. Também é a mesma quantidade usada por Marty McFly e Doutor Brown para viajarem até 21 de outubro de 2015 no clássico De Volta para o Futuro. 

De volta para o futuro
1 gigawatt. foi a energia usada para o Doutor Brow viajar para o futuro

De acordo com a Absolar, o Brasil alcançou em 2019 o total de 1 gigawatt em geração distribuída solar, incluindo instalações residenciais, empresariais e públicas.

O valor é realmente impressionante. Mas não se compara ao consumo total do bitcoin, que chega a 142 TWh, ou um consumo comparável a da Ucrânia.

Apesar dos números estratosféricos, a mineração de bitcoin pode ajudar na aceleração da adoção de energias renováveis como a nuclear ou solar, como explico no podcast “Cortaram a energia dos mineradores chineses, e agora?| Bits Semanais #14“.

A própria Genesis Digital se comprometeu a utilizar fontes de energias limpas nas fazendas de mineração, de acordo com a reunião do Conselho dos Mineradores de Bitcoin dos EUA – na qual a Genesis participou.

“Nossa missão é fornecer a infraestrutura que irá alimentar a revolução do sistema monetário de código aberto” – afirmou Abdumalik Mirakhmedov, co-fundador da Genesis.

Fontes: Energy.gov, Portal Solar, Genesis Digital

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br