Alter - Criptoback

A BlockFi, empresa que usa bitcoin como colateral para fazer empréstimos, viu seu faturamento crescer 100% após o halving do btc.

“Durante a semana do halving, a BlockFi adicionou mais clientes do que qualquer outra semana desde a fundação da empresa. Aproximadamente 7.000 novas contas foram financiadas, elevando a empresa a uma taxa de crescimento de 25% em relação ao mês anterior. A BlockFi está a caminho de gerar US $ 50 milhões em receita no próximo ano.”

disse a BlockFi em um post no seu blog oficial

As plataformas de empréstimos com bitcoin como colateral começaram a ganhar força no bear market de 2018, no qual muitos mineradores que não queriam vender seus bitcoins começaram a usá-los como colateral para manter suas operações.

Crescimento do mercado de empréstimos:

O tamanho de mercado dos empréstimos em criptomoeda cresceu e no final de 2019 atingiu US $10 bilhões. Em comparação, os empréstimos peer-to-peer (que já têm um mercado estabelecido) tiveram um volume de transações de US$85 bilhões no mesmo período.

Esses números impressionantes são tanto de empréstimos colateralizados de empresas centralizadas como a BlockFi e Nexos, assim como também de protocolos descentralizados tais quais: Compound, Maker, dYdX e outros.

Alter - Criptoback

O colateral ativo em DeFi chegou perto de US$500 milhões no final de 2019 e com o crescimento sem precedentes do movimento DeFi em 2020 espera-se que esses números serão ainda mais expressivos

Recentemente, a Mercurius Crypto publicou um artigo mostrando as opções de lucro no mercado de empréstimos com bitcoin, veja o post “Renda fixa em criptomoedas: sim, isso já existe, e paga 4 vezes mais que a Selic!” para saber mais.


Invista em criptomoedas com segurança, alta liquidez e as menores taxas do mercado.

NovaDAX: a exchange mais completa do Brasil com mais de 25 criptomoedas listadas e a melhor nota de atendimento ao cliente.

Conheça novadax.com.br