Passfolio

Criado como uma cópia do Bitcoin com transações privadas a criptomoeda Zcash (ZEC) sofre com um debate interno ferrenho e a comunidade começa a se despedaçar. 

No final do sábado (14/05) o fundador da Zcash Zooko Wilcox soltou um artigo devastador para o ecossistema da criptomoeda. Publicado no Medium, o artigo acusava o desenvolvedor Ian Miers de ter interesses conflitantes com a comunidade Zcash ao dar consultoria sobre a tecnologia da criptomoeda para o projeto Tezos (XTZ).

“Foi-me dito em particular que Ian Miers (membro do Conselho de Administração da Fundação Zcash) recebeu pagamento pessoal do projeto Tezos para ajudá-los a clonar a tecnologia “Sapling” de Zcash para Tezos. Essa integração da tecnologia Zcash no Tezos – que ocorreu sem compensação para os detentores de ZEC ou parceria ganha/ganha entre Zcash e Tezos – é rotineiramente usada pelos boosters do Tezos para promover a criptomoeda…”

– afirmou Zooko

Além de Ian Miers, os membros da Zcash Foundation Matthew Green e Eran Tromer teriam formado uma empresa chamada Sealance secretamente para comercializar um protocolo de dinheiro com uma nova tecnologia que estaria sendo desenvolvida pela ZEC. 

Esta tecnologia chamada de Zcash Orchard teria “ferramentas de compliance” para a polícia e melhorias significativas ao protocolo atual como não necessidade da confiança em terceiros (trusted setup) para fazer melhorias no blockchain. 

Passfolio

Possível fork no Zcash pode ter sido evitado após pressão

A Zcash Orchard será colocada em prática provavelmente no dia 31/05. Além das melhorias citadas, uma nova licença de uso do software menos permissiva será implementada.  

A licença Bootstrap Open Source (BOSL) impedirá o uso comercial privado da tecnologia disponível na Orchard. No artigo, Zooko acusa os desenvolvedores e a Zcash Foundation de tentarem usar a licença MIT, mais permissiva para o uso comercial. 


Se até o dia do upgrade a Zcash Foundation não assinasse a permissão dessa nova licença, o upgrade poderia perder legalmente o direito de ser chamado de Zcash, o que em uma situação mais desesperadora causaria um fork (criação de outra moeda).

Entretanto, após o lançamento do artigo a Zcash Foundation se comprometeu com a nova licença, impedindo um desastre ainda maior. 

Comunidade sofre com drama de Zooko

O texto de Wilcox espalhou-se como fogo pela comunidade. No fórum da Comunidade Zcash Zooko afirmou que membros da Zcash Foundation estariam sendo tratados de forma diferenciada. 

Em conjunto com o artigo, isso causou a resignação de um dos primeiros membros da comunidade e moderador de nome Shawn.  

“Estou mentalmente e fisicamente exausto deste trabalho. Estarei entregando minha demissão a Jack assim que o Reino Unido acordar”, afirmou Shawn indignado com o comportamento do fundador da criptomoeda. 

Outro membro da comunidade disse: “Não vou mentir Shawn, gostei de trabalhar nesse ecossistema, mas esta semana também considerei sair porque ninguém precisa desse drama na vida.”

Resposta dos membros da Zcash Foundation 

Segundo Jack Gavigan membro da mesa de diretores da Zcash Foundation (ZF) tanto Matthew quanto Eran revelaram seu envolvimento com Sealance para a ZF. 

Sobre o envolvimento de Ian foi dito que a parceria dele com a Tezos era pública e o uso das técnicas de privacidade da Zcash foram comemoradas por Zooko ainda em 2019.

Sobre a nova atualização, foi dito que Zooko enviou os papéis para a ZF apenas 31 minutos antes de soltar o artigo. 

Zcash, o bitcoin melhorado que deu errado

Apesar de contar com grandes desenvolvedores e recursos para criar boas soluções técnicas, o Zcash falhou na missão de levar mais privacidade por meio da sua solução. 

Atualmente, cerca de 90% das transações de Zcash não são privadas. Enquanto isso, a concorrente Monero tem mais de 5 vezes a quantidade de transações do Zcash e todas são privadas por padrão. 

O artigo produzido pelo próprio fundador da criptomoeda escancara as disputas internas entre a ECC e a Zcash Foundation. Zooko apagou o artigo, mas as preocupações que ele trouxe para o futuro do Zcash ainda continuam vivas. 

Passfolio