Hal Finney é uma das pessoas mais conhecidas no universo do bitcoin, cypherpunk lendário, desenvolvedor e criptógrafo, muitos acreditam que ele criou a criptomoeda. Há 12 anos, Finney postou um tweet que ficou para a história no qual tentava divulgar o recém criado bitcoin.

Rodando o Bitcoin tweet de Finney
“Estou rodando o bitcoin”

Finney foi o primeiro a tweetar sobre bitcoin, na época o tweet não obteve tanta atenção e até 2017 ele tinha apenas 294 retweets.

Rodando o Bitcoin tweet de Finney em 2017

Atualmente, milhares de pessoas ao redor do mundo estão rodando nós de Bitcoin, assim, ajudando a rede a se tornar mais resiliente. Ao todo são 8716 nós de btc, com 65 no Brasil – de acordo com o site Bitnodes

Mapa com os nodes de bitcoin btc ao redor do globo

Além de ter feito história como o primeiro a tweetar sobre a criptomoeda, Finney também foi o primeiro a receber uma transação de bitcoin e é visto como visionário ao prever o uso dessa nova tecnologia até mesmo por bancos centrais e classificar o BTC como ouro digital.

Veja também: Banco Central do Irã é o primeiro a oficializar o uso de Bitcoin

Anonimato e preocupação com o meio ambiente

Poucos dias após seu famoso “Running bitcoin”, o cypherpunk ficou preocupado com a falta de privacidade e anonimato dessa nova tecnologia. O bitcoin permite a visualização de todas as transações na sua rede, garantindo transparência mas também permitindo a vigilância por governos e empresas privadas. 

“Procurando maneiras para adicionar mais anonimato no Bitcoin”

Ele também se preocupava com os impactos ambientais da mineração. A primeira criptomoeda utiliza um processo que requer grandes quantidades de energia para ser minerada, como explicamos no podcast sobre mineração. 

“Pensando em como reduzir a emissão de CO2 com o uso amplo do Bitcoin”

Além de “rodar bitcoin”, ele participou da criação de protocolos de criptografia amplamente utilizados na internet e no desenvolvimento de games.

Harold Thomas Finney II foi morreu em 28 de agosto de 2014 da doença de Lou Gehrig, seu corpo foi  cryopreservado (congelado) pela Alcor Life Extension Foundation que desde então passou a aceitar bitcoins. 

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br