Milhares de traders alavancados estão tendo suas posições liquidadas nesta grande volatilidade do mercado. Ursos e Touros sangram enquanto as baleias brigam entre si.

R$5 bilhões de posições liquidadas

De acordo com a Coinquora, US $1,2 bilhões de dólares em liquidações no mercado cripto em um período de 24 horas, marcando um dos valores recordes em traders e capital que são expulsos de suas posições, marcando prejuízo – de segunda (13) para terça-feira (14).

Estas liquidações não foram exclusivas de apostadores da alta ou da baixa, havendo sangue derramado dos dois lados. A reportagem base estima que mais de 250 mil traders registraram perdas e tiveram suas posições liquidadas.

Liquidações anteriores

Olhando os números passados, esse registro (que ainda não consta no gráfico abaixo) estaria entre um dos maiores acumulados, mostrando que operar alavancado em um momento de indecisão e altíssima volatilidade envolve muito risco.

Gráfico de 16 de março a 13 de junho em liquidações totais no mercado cripto.
Fonte: Coinglass

O alto número de liquidações vem sendo bem equilibrado, como podemos observar, por exemplo, no registro do dia 12 de junho às 21:00h, com pico de posições liquidadas tanto em long (verde) como short (vermelho), punindo ambos apostadores.

Detalhes do dia 12 de junho em posições liquidadas de long vs short.
Fonte: Coinglass

Neste dia, US $1,15 bilhões foram registrados em posições encerradas com prejuízo, sendo $468,121M de shorts (ursos) e $685,471M de longs (touros).

BTC é onde estão as maiores perdas

Ainda segundo reportagem da Coinquora, o Bitcoin liderou a quantidade de capital liquidado, apresentando um total de US $611,8 milhões nas mesmas 24 horas descritas no começo desta matéria. Seu preço chegou a cair agressivamente para a faixa dos $20 mil USD, retornando para os $23 mil dólares em um curto espaço de tempo – o que causou o banho de sangue.

Observando o dia 12 de junho, que também apresentou valores recordes até antes desta madrugada (13-14/06), ele havia registrado US $562,22 milhões – sendo $218,463M de shorts e $343,577M longs.

Detalhes do dia 12 de junho em posições liquidadas em BTC de long vs short.

Em ambos os casos, os maiores punidos foram os touros (que apostam na alta), mas o ursos também sofreram muito.

Em momentos de extrema incerteza e volatilidade, como é o atual, muitos especialistas recomendam a não exposição em alavancagem, pois os benefícios são reduzidos em relação ao risco de ser obrigado a encerrar a posição com perdas, como vem acontecendo em volume recorde.

Leia mais:

Passfolio