Na sexta-feira 01/01, a exchange Bittrex anunciou a remoção de diversas criptomoedas voltadas para a privacidade, dentre elas a Dash. Contudo, segundo o perfil da @Dashpay e diversos membros da comunidade, a criptomoeda não deve ser listada como privada. 

De um ponto de vista técnico, a funcionalidade de privacidade da Dash não é maior que a do Bitcoin, fazendo com que o nome de “privacy coin” seja um equívoco para a Dash.”, afirmou o pefil oficial da DashPay.

Apesar de reconhecer a falta de privacidade da criptomoeda, a equipe responsável vendeu a Dash como uma “privacy coin” (moeda privada) por diversos anos. Os prints abaixo mostram o próprio perfil do Twitter da Dash  afirmando que a criptomoeda era voltada para a privacidade:

Outro usuário buscou o histórico do site Dash.org e descobriu que em 2019 a moeda anunciava a privacidade como um recurso.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

Wayback Machine Dash

Ryan Taylor, desenvolvedor da Dash, deixou claro que a criptomoeda é completamente transparente:

“Como literalmente um fork do Bitcoin, todas as transações da Dash são completamente transparentes. Todos os inputs, outputs, endereços, e quantidades são gravados em cada e todas as transações e visíveis – por qualquer um – no seu blockchain público.”, tuitou Taylor.

O usuário Red Pill Finance foi direto ao questionar: “Isso não é fraude?”


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!