A empresa multinacional de serviços financeiros com sede em Hong Kong, Greenpro Capital, (GRNQ) anunciou seus planos de investimento em Bitcoin. A companhia pretende, além de realizar parte da compra com as suas reservas em caixa, emitir dívida de até US$ 100 milhões.

De acordo com publicação da Greenpro Capital, “a adoção em massa do BTC por bancos, fundos de hedge, seguradoras e instituições” fortaleceu sua crença de que a principal criptomoeda do mundo é uma reserva de valor “confiável”. A empresa espera que o Bitcoin e outros criptoativos como o Ether tragam retornos melhores do que segurar dólares.

O plano de investimento em bitcoin da Greenpro acontecerá de duas maneiras:

  1. Utilizar o próprio dinheiro da empresa para adquirir bitcoins
  2. Levantar US$ 100 milhões em dívidas para comprar ainda mais BTC

Dr. CK Lee, CEO da empresa, afirmou:

Nós acreditamos completamente no BTC como uma reserva de valor. Eu tenho instruído nossos banqueiros de investimento a aumentar a dívida no primeiro semestre de 2021 em até US$ 100 milhões em BTC.

A Greenpro usará a exchange CryptoSX, uma das suas subsidiárias, para comprar Bitcoin. 

Não é a primeira vez que uma empresa decide realizar esse investimento de risco. No início de dezembro, outra empresa listada na Nasdaq, a MicroStrategy, anunciou a emissão de US$ 650 milhões em notas promissórias com vencimento em 2025 para realizar a compra de mais bitcoins. 10 dia após, o CEO da MicroStrategy, Michael Saylor, informou através do seu Twitter a compra.

Arriscado demais?

Assumir uma dívida para realizar um investimento de renda variável é considerado extremamente arriscado por especialistas financeiros, especialmente quando o Bitcoin se encontra na suas máximas históricas. Porém, é compreensível tais investimentos por parte da MicroStrategy e da Greenpro, por dois motivos: 

  1. Hedge contra inflação – devido às políticas monetárias adotadas a nível global pelos bancos centrais nos últimos anos, especialmente em 2020, muitos estão apostando em ativos escassos para se prevenir de uma possível inflação de preços.
  2. Facilidade de obter crédito – por conta das políticas de afrouxamento monetário promovidas pelos bancos centrais, as taxas de juros se encontram em patamares historicamente baixos, e alocar recursos para um ativo com potenciais ganhos pode ser uma boa opção.

Leia mais: SEC prejudicou os investidores de varejo, diz Ripple

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br