As criptomoedas são uma tecnologia que recentemente ganharam forte atenção por parte do público e da mídia. O bitcoin é sempre o assunto central, já que é a primeira e principal moeda digital. Diante disso, será que faz sentido para você, empreendedor de Pequena e Média Empresa (PME), aceitar pagamentos em bitcoin?

Por que sua PME deveria aceitar bitcoin?

Público – O bitcoin é uma tecnologia que definitivamente veio para ficar. Para termos uma ideia de sua atual grandeza, um estudo recente da Forbes apontou que existem mais investidores cadastrados nas corretoras de bitcoin do que na própria B3, a bolsa de valores oficial do Brasil. Isso já mostra que a quantidade de brasileiros que possuem bitcoin e outras criptomoedas é significante.

Publicidade – A comunidade brasileira de criptomoedas é bastante unida. Já houve casos de empresas que passaram a aceitar pagamentos em bitcoin e conseguiram diversos clientes graças ao engajamento dos entusiastas brasileiros. Um grande exemplo é o caso do vendedor de açaí do Guarujá.

PME - barraca de açaí aceita bitcoin
José Antônio passou a aceitar bitcoin em sua barraca de açaí, no Guarujá. Sua história saiu até na Folha de São Paulo. – Crédito da imagem: Bruno Santos/Folhapress – Folha de S.Paulo.

Taxas menores – Se compararmos as taxas pagas às empresas de cartões de crédito, os custos de receber em bitcoin e criptomoedas são muito mais baixos. A CoinWise, por exemplo, empresa que oferece solução para negócios receberem pagamentos em criptomoedas, cobra cerca de 1% de taxa, enquanto as operações em crédito custam mais de 2% ao comerciante.

Sem demora no repasse – As empresas de cartões de crédito podem demorar até 45 dias para realizarem o repasse do valor das vendas, a depender da maquininha utilizada pelo comerciante. Utilizando criptomoedas, a transação de uma carteira para outra demora minutos. Na solução da CoinWise, por exemplo, o comerciante escolhe se deseja receber o pagamento na própria criptomoeda ou o valor correspondente em Reais. Em ambos os casos, o repasse é feito em cerca de 3 úteis.

Veja a entrevista que o Business Insider fez com uma creche americana que já aceita pagamentos em Bitcoin e Ethereum. Detalhe, eles aceitam criptomoedas como método de pagamento, mas não aceitam cartões de crédito.

E a volatilidade?

Uma dúvida comum entre os comerciantes que vão receber pagamentos em criptomoedas é com relação à volatilidade nas cotações desses ativos. Em um dia o bitcoin pode estar cotado em 30 mil reais, e no dia seguinte a cotação cair para 28 mil reais. Como lidar com essa situação?

Já existem soluções que fazem a venda dos bitcoins no exato momento da transação, como é o caso da própria CoinWise, que já citei anteriormente aqui na publicação. Dessa forma você receberá a quantia correta pelo seu serviço ou produto, e pagará menos taxas do que se estivesse utilizando uma máquina de cartão em seu estabelecimento.

Como aceitar bitcoin como forma de pagamento?

Além da ferramenta pronta da CoinWise, existem outras opções para integrar Bitcoin ao seu negócio:

BitPay – Com surgimento em 2011, a BitPay é líder do mercado de sistemas de pagamento para negócios com bitcoins. Entre seus clientes estão gigantes do mercado de tecnologia como Microsoft e Paypal. Diariamente, milhares de usuários em mais de 30 países diferentes utilizam essa plataforma para realizarem seus pagamentos com criptomoedas. A taxa para intermediação fica em 1%, bem abaixo das taxas cobradas pelos cartões de crédito, por exemplo.

GoUrl – Ótima ferramenta de integração para sites em WordPress, a ideia básica com o GoUrl é um gateway de pagamento de bitcoin autônomo. Ele vem com um conjunto impressionante de recursos, como aceitar outros tipos de criptomoedas, como dogecoin, dash, litecoin, bitcoin cash, entre outras. Entre as configurações, é permitido definir limites de compra, datas de expiração e personalizar caixas de pagamento para cada tipo de conteúdo. A instalação automática é a opção mais fácil para usuários do WordPress.

Coin Payments – Oferece acesso a diversas criptomoedas, permitindo a conversão automática para Bitcoin. O plano começa com uma taxa de 0.5% sobre as transações. Empreendedores também podem criar faturas em outros serviços de carteira virtual, para diminuir o preço de transação.

Foxbit – A Foxbit é a maior Exchange brasileira de bitcoins em termos de volume negociado. Eles oferecem soluções para quem deseja receber pagamentos em criptomoedas, de modo que o estabelecimento não corra nenhum risco com relação à volatilidade do ativo.

Como ficam as questões legais?

Perguntando ao Wagner Santana, gerente comercial da CoinWise, consegui algumas respostas sobre a parte legal do sistema de pagamentos em bitcoin.

Utilizando a ferramenta da CoinWise, a taxa cobrada pelo serviço é de 1%, então é emitida uma nota fiscal ao estabelecimento pelo valor de 1% de cada transação realizada. O cliente que faz o pagamento em criptomoedas também recebe nota fiscal pela compra do produto/serviço.

PME receber bitcoin? - sistema de pagamentos CoinWise
O sistema de pagamentos da CoinWise aceita bitcoin, bitcoin cash e litecoin. Após ser gerado o endereço de pagamento, assim que o pagamento for detectado é possível imprimir a via do cliente. Além disso o estabelecimento pode conferir o relatório de todas as vendas efetuadas.

Já no lado da gestão do seu negócio, devido à conversão automatizada do sistema (de criptomoeda para reais), o estabelecimento faz a venda em Reais e também recebe em Reais. Desse modo basta você cadastrar em seu sistema de gestão empresarial uma nova forma de pagamento que cobra 1% de taxa e faz o repasse do valor em 3 dias úteis.

Já existem estabelecimentos que aceitam pagamentos em criptomoedas?

Diversos comércios já estão aceitando bitcoin e outras criptomoedas como forma de pagamento. A cada dia o número de estabelecimentos aumenta. Você pode olhar o site do Coinmap, que mapeia as lojas que atualmente já aceitam pagamento em bitcoin.

PME aceita bitcoin - foto da Subway aceitando BTC
Loja da Subway nos Estados Unidos aceitando bitcoin como forma de pagamento.

Aqui no Brasil nomes grandes já começaram a aceitar bitcoin como forma de pagamento, como é o caso da Reserva, grande marca de moda nacional. Veja uma lista de opções do que você pode comprar usando bitcoin!

Aceitar bitcoin em sua PME? - Reserva aceita bitcoins
Banner no site da Reserva anunciando que é a primeira marca de moda no Brasil que aceita a criptomoeda como forma de pagamento.

Resumindo, você comerciante já tem disponível no mercado diversos casos de sucesso que aceitam criptomoedas como forma de pagamento. O que falta agora para você inovar em seu mercado e começar a aceitar criptomoedas em sua PME?