O preço do Bitcoin sofreu queda de -2,36% no Brasil nas últimas 24 horas, segundo dados do CointraderMonitor e está sendo negociado abaixo dos R$54 mil em algumas corretoras nacionais.

Já no exterior, o Bitcoin tem dificuldades em se manter acima dos US$10 mil e sofre uma queda de -2,46% nas últimas 24 horas segundo dados do Coingolive.

Ex-sócio da XP dá cenários para o preço do Bitcoin

Bo Williams, ex-sócio da XP com 24 anos de experiência no mercado financeiro, analista financeiro (CNPI/T -1215), trader e criador do sistema de trade PhiCube descreveu os possíveis cenários para o preço do Bitcoin em uma live no canal da Foxbit no Youtube.

O experiente trader afirma que “nessa pernada” o bitcoin não chegará aos R$76 mil, contudo, é ainda possível a criptomoeda alcançar os R$66 mil sem muitos problemas. Entretanto, ele não descarta uma queda para o suporte de US$9500,00.

“O mais provável é uma faixa operacional entre R$52 mil e R$66 mil, isso sugere compras no R$52 mil, vendas no 66 mil, compras de novo nos 52 mil e aí um jogo de pingue-pong nesses níveis”

afirmou Bo Williams.

Esse jogo de mercado pode abrir boas possibilidades de compra e venda em relação ao Bitcoin. Mas não somente para o BTC, o trader também descreve possíveis cenários para as principais altcoins no vídeo abaixo:

Segundo o analista, o preço do dólar terá muita influência na direção em que o Bitcoin seguirá no mercado brasileiro, podendo acelar ou diminuir quedas e altas.

Você acha que o Bitcoin vai subir novamente? Deixe sua opinião nos comentários e não esqueça de assinar o canal do Telegram gratuito do Cointimes.


Leia também: Bitcoin cai abaixo de US$11.000 após 92.000 BTC serem enviados para exchanges

Porque a próxima eleição americana pode ser o maior risco para o Bitcoin